O exorcismo existe há muitos anos e sempre foi praticado pela igreja católica. Padres especializados em expulsar espíritos do corpo de fiéis faziam isso com pessoas que se sentiam possuídas. Atualmente, isso acontece muito em igrejas evangélicas. Muitas pessoas que possuem problemas chegam a esses locais e descobrem que um espírito, chamado por eles de ‘encosto’, está vivendo no corpo de uma pessoa. Embora alguns sejam incrédulos em tudo que envolve a questão, fica difícil não acreditar em pessoas que falam coisas completamente sem nenhuma ligação com elas. Alguns pensam ser delírio e, para outros, significa que a pessoa está possuída por espíritos malignos, como uma tailandesa que precisou ser exorcizada por um grupo de pessoas em sua casa.

Publicidade
Publicidade

Na Tailândia existe uma tradição, muito comum nas famílias, em manter uma espécie de vaso na frente das residências. Segundo a tradição, nesses locais habitam os espíritos de pessoas que viveram ali anteriormente.Nesse vaso estão concentradas todas as energias espirituais ligadas ao antigo dono da residência e, nas imagens da mulher sendo exorcizada, aparece um homem ao fundo, destruindo esse objeto com um martelo. Enquanto o homem destrói o recipiente que estava na casa para a qual a tailandesa mudou-se há dois anos, mais de seis homens seguram a mulher no chão. Ela começa a dizer coisas, enquanto chora e grita com os homens.

As imagens do vídeo publicado pelo The Sun trazem algumas pessoas exorcizando a tailandesa. Essas pessoas são conhecidas como curandeiras espirituais.

Publicidade

Além dos padres, que são conhecidos como exorcistas, muitos líderes espirituais de comunidades pequenas acabam assumindo esse papel e essa mulher foi ajudada por eles em um momento terrível, em que um espírito estava tomando conta dela. Segundo amigos da tailandesa, a mulher começou a ficar bem estranha, desde que se mudou para essa nova casa. Sem saber o que estava acontecendo com ela, os curandeiros espirituais foram chamados e rapidamente foi constatado que um espírito estava vivendo no corpo da mulher.

A entidade espiritual dizia coisa do tipo ‘por que você está fazendo isso comigo’, ‘ por que eu não posso viver aqui’, ‘o que eu fiz de errado para você’. Foram necessários mais de seis homens para deter a mulher, que teve de ser imobilizada no chão, enquanto objetos como cordas e flores eram utilizados. Os homens recitavam orações para afastar de vez o espírito do corpo daquela mulher. Aos gritos, o espírito estava inconformado e chorava ao mesmo tempo em que era exorcizado.

#Religião