Essa semana, uma jovem foi presa e aguarda condenação na justiça após abusar sexualmente de um taxista em Findlay, condado de Hancock, em Ohio, nos Estados Unidos. O #Crime aconteceu no final de janeiro, nas redondezas de um hotel no centro do município. A mulher identificada como Brittany Carter, estava acompanhada de um comparsa de nome Cory Jackson, e de um outro homem que não teve a identidade revelada. Eles teriam chamado por uma corrida de taxi por volta das quatro horas da tarde, e ao entrarem dentro do veículo cometeram o crime.

Brittany teria tentado seduzir o motorista, que não teria dado atenção para as suas investidas.

Publicidade
Publicidade

Foi quando o companheiro da mulher pegou uma faca e começou a apontá-la para o homem sob ameaça de matá-lo. Dessa maneira a vítima foi obrigada a parar em um lugar reservado e ainda sob ameaça teve que manter relações sexuais com a jovem. Segundo consta no inquérito ele foi deliberadamente obrigado através de ameaça de força a ter relações sexuais com a mulher que parecia fora de si. A terceira pessoa que estava no carro parece não ter se envolvido com o crime diretamente apesar de tê-lo testemunhado.

Depois do ato de violência os três teriam ainda roubado do motorista a quantia de trinta e dois dólares em dinheiro que estavam em seu bolso. Somente depois do roubo eles teriam deixado o veículo e fugido. A polícia foi acionada e compareceu ao local, para entender o que havia ocorrido. Um boletim de ocorrência foi registrado e um inquérito aberto contra os agressores.

Publicidade

Os criminosos foram identificados através das características físicas dadas pelo motorista que sofreu a agressão, e mandatos de prisão foram emitidos contra eles.

Segundo os investigadores do caso, a mulher já era conhecida da polícia, e já tinha sido indiciada pelo menos duas vezes sob acusação de tráfico de drogas. Ela conseguiu ser identificada e localizada pelos agentes e levada sob custódia pelos dois crimes de primeiro grau. Já Jackson ainda não conseguiu ser localizado pela polícia permanece foragido e vem sendo procurado pelos investigadores. A terceira pessoa envolvida do dia do ocorrido não terá acusações contra ela, a medida que não existe comprovações de sua participação efetiva do crime. Brittany deve aguardar a determinação de sua sentença na justiça em detenção. A polícia agora tenta localizar seu comparsa, juntos eles responderão pelo crime de estupro e roubo. #Casos de polícia