A polícia australiana encontrou uma bebê recém-nascida, que teria sido sequestrada pelos próprios #pais, adolescentes de 15 e 14 anos. Jennifer Morrison, de 15, e Jayden Lavender, de 14, teriam levado a bebê do hospital, pouco depois do nascimento. A menina foi encontrada sob um cobertor, que eles teriam levado também do hospital, nesta quinta-feira. A polícia estava preocupada não só com a saúde da bebê, como dos próprios pais e estavam temendo pela segurança dos três. Eles teriam fugido do hospital, em Sidney, e foram encontrados perto do local.

Os policiais disseram que estavam preocupados com o bem-estar de todas "as três crianças", por a recém-nascida ainda precisar de assistência médica e por a mãe ter dado à luz há poucos dias, precisando também ela de cuidados especiais.

Publicidade
Publicidade

A avó da menina, Tracy Lavender, sempre acreditou que o filho não iria cometer loucura alguma e que iria saber cuidar da bebê e da namorada. Porém, Tracy admitiu que ficou muito feliz quando tudo acabou em bem e os três foram encontrados, "de saúde e em segurança".

Alegadamente, o casal ainda #adolescente teria 'raptado' a filhinha, fugindo do hospital, porque estavam temendo que lhe tirassem a bebê. "Eles nunca fizeram nada de errado. Eles não querem ficar separados da bebê, são bons pais", disse a avó, em declaração aos repórteres.

Antes de serem encontrados, o inspetor Grant Healey havia lançado um apelo comovente para os jovens pais, pedindo que eles se entregassem.

Publicidade

Ele falou que eles "não estavam em apuros" e que eles só precisavam que eles regressassem ao hospital, para analisarem se estava tudo bem com a mãe e a bebê.

As imagens captadas pelas câmeras de segurança do hospital mostram o momento em que o casal saiu carregando a bebê, durante a noite. O hospital de Nepean disse que notificou imediatamente a polícia quando descobriu que a mãe e a criança haviam desaparecido. "Estamos preocupados com o bem-estar da mãe e sua bebê", disse o gerente geral do hospital, Brett Williams, em um comunicado.

Assim que a bebê nasceu, os avós recorreram às mídias sociais, para expressarem seu amor pela chegada da netinha, postando retratos no hospital, incluindo com o jovem pai embalando sua filha. "Meu orgulho, minha alegria ... minha netinha. Eu te amo mais do que as palavras podem explicar", disse a avó no Facebook. Apesar de todo o amor em que a bebê nasceu, os pais estariam temendo que a criança lhes fosse retirada, por eles serem ainda menores de idade.

Com isto eles demonstraram que querem realmente a bebê, mas poderiam ter arrumado uma grande encrenca. Resta agora saber se as autoridades vão avançar com este caso para a justiça. #Bebê