Recentemente aumentou a discussão e a tensão entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte. Além da guerra de palavras, têm ocorrido também vários movimentos militares que estão gerando muita preocupação no mundo sobre a possibilidade de existir um conflito armado entre dois países que, como se sabe, possuem armamento nuclear.

A BBC decidiu analisar a tensão existente naquela parte do mundo para saber qual a probabilidade do planeta estar à beira de uma Terceira Guerra Mundial. Assim sendo, o canal de televisão pública do Reino Unido falou com vários especialistas, que revelaram algumas conclusões que podem esclarecer o cidadão menos atento.

Publicidade
Publicidade

Para começar, a opinião dos especialistas é que a solução militar não é a melhor alternativa para resolver o conflito de ideias existente entre os #Estados Unidos e a #Coreia do Norte. Na opinião deles, será em uma sala de negociações que os problemas serão resolvidos e não através de bombas ou do derramamento de sangue de soldados.

Para chegar a essa conclusão, os analistas se baseiam na origem da crise atual. É importante saber que foi em 8 de abril que ela se intensificou quando a Coreia do Norte falhou no teste de um míssil.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu, então, enviar para a Península da Coreia o porta-aviões USS Carl Vinson e um grupo tático, armas que ele considerou publicamente como sendo extremamente poderosas. A Coreia do Norte contra-atacou e exibiu o seu arsenal militar, enquanto que o mesmo tempo fez um novo teste de mísseis, dessa vez de médio alcance, que também falhou quando o míssil explodiu logo depois de ter sido lançado.

Publicidade

Depois disso, Mike Pence, o vice-presidente dos Estados Unidos, disse publicamente que a paciência dos americanos para com a Coreia tinha terminado. Os norte-coreanos ameaçaram dizendo que se os Estados Unidos planejam um ataque militar, eles poderão reagir atacando a maior economia do mundo com dispositivos nucleares.

Para Bates Gill, especialista em relações entre os Estados Unidos e a Ásia, a tensão que se está vivendo é a maior das últimas décadas. Ele afirma que nos últimos três anos a relação entre os dois países piorou muito devido ao desenvolvimento de armas nucleares por parte do país asiático. Porém, para resolver esse problema, é necessária uma abordagem diferente e urgente por parte de Donald Trump, defende Gill.

Já Robert Einhorn, especialista em política externa, afirmou que os dois países estão muito longe de um conflito nuclear e que tal não é preocupante. Na opinião dele, a situação parece muito pior do que realmente é devido às palavras do líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, e que essas ameaças só são feitas por ele porque são consideradas garantias para que o seu regime consiga sobreviver.

Publicidade

Para os dois especialistas, é muito claro que esse conflito vai ser resolvido apenas com palavras. Os dois países podem continuar a apresentar armamento, mas no final não irá assistir qualquer ataque, uma vez que nem um, nem o outro tem interesse em que isso aconteça.

Qual é a sua opinião? Acha que a III Guerra Mundial pode acontecer a qualquer momento? Escreva a sua opinião nos comentários! #TerceiraGuerraMundial