O Papa Francisco tem uma das imagens mais conhecidas de todo o planeta. O pontífice, que nasceu na Argentina, estaria revoltado por conta de uma ação que está acontecendo no Brasil. De acordo com informações do site da ESPN, o Santo Padre está sendo vitimado por conta de uma propaganda da Crefisa, que oferece dinheiro de empréstimo para aposentados. A empresa de crédito fez uma propaganda - chamada de irregular - usando uma imagem do Papa Francisco segurando uma camisa do Palmeiras. Agora, como mostra a matéria do site esportivo ESPN, o Vaticano promete agir com força e pode até entrar na Justiça contra a Crefisa, que é a patrocinadora do Palmeiras.

Publicidade
Publicidade

Quem confirmou a informação para o site da ESPN foi Gred Buke, porta-voz do Vaticano com a imprensa. Ele informou que, em nenhum momento, o Santo Padre aprovou o uso da sua imagem para fazer a propaganda. A Crefisa publicou anúncios nos principais jornais do país usando a imagem do religioso que nasceu na Argentina. As propagandas são de página inteira e estão presentes em várias publicações. A empresa de crédito informa ao seu consumidor que o "Papa Francisco entrou para a Família Palmeiras e abençoou o Manto". Para terminar, a empresa ainda garante que apenas com um patrocínio forte, como o dela, faz o time também se tornar forte.

A imagem foi feita no Vaticano. Na época em que o registro foi feito, pessoas que viajavam ao local estavam com a camisa do Palmeiras. Não se sabe se elas têm alguma ligação com a empresa brasileira.

Publicidade

O certo é que o registro mostra o logo da Crefisa bem peto do Papa. Além de não ter autorizado a propaganda irregular, o porta-voz do Vaticano informa que o religioso da terra do Maradona não faria uma publicidade, já que é claramente contra ao fato de algumas empresas brigarem para terem lucros exorbitantes, enquanto muitas pessoas vivem na pobreza.

Bunke confirmou que o caso envolvendo a empresa brasileira pode sim acabar nos tribunais. "A Santa Sé poderia tomar uma atitude legal", disse o representante de uma das instituições mais antigas e sólidas do planeta. Não é a primeira vez que a Crefisa associa sua marca a celebridades. Com a presença de Justin Bieber no Brasil, a companhia de crédito aproveitou e teria pago para o cantor canadense aparecer com a camisa do time durante sua apresentação em São Paulo. O show do ex-namorado de Selena Gomez ocorreu no Allianz Parque, estádio do Palmeiras.

Atualmente, o Palmeiras é o time que mais receberia publicidade no futebol do Brasil. No ano passado, foram mais de R$ 90 milhões faturados. A crefisa ainda teria ajudado na contratação de jogadores, como o colombiano Borja. #Crime