Bayezid Hossain virou um dos assuntos mais comentados do #Mundo, quando virou alvo de reportagens diversas. Aos quatro anos, ele é uma pequena criança, mas tem a aparência de um homem idoso. O episódio lembra o filme 'O Curioso caso de Benjamin Button', estrelado por Brad Pitt, que recentemente se separou da musa Angelina Jolie. Bayerzid tem problemas sérios. Ele ainda não começou a ir para a escola, por exemplo, pois as outras crianças são bastante cruéis e estão fazendo comentários preconceituosos, o tortuoso bullying.

Mas, afinal, o que faz com que o menino fique com esse rosto? Ele tem uma síndrome rara e é o que faz a sua pele ser bem parecida com uma pessoa com muitos anos de vida.

Publicidade
Publicidade

O garotinho mora na cidade de Bangladesh e tem dores reumáticas, assim como pessoas da terceira idade. Além disso, os seus dentes são bastante frágeis e parecem que vão cair. Há também certas vantagens nesse tipo de síndrome. Ele é mais inteligente que a maioria das pessoas e a mente do garoto impressiona a muitos. O medo da sua família, no entanto, é que Bayezid Hossain não pare de envelhecer.

A tal doença que marca a vida do menino é a 'Progeria'. É exatamente ela que incentivou o já citado filme de Brad Pitt. A obra dirigida por F. Scott Fitzgerald mostra um homem que nasce velho e vai ficando jovem. A diferença é que, no caso do menino de Bangladesh, ele não irá ficar mais jovem como no longa, mas sim mais velho, como todos nós. A mãe dele, Tripti Khatun, tem apenas dezoito anos e, em entrevista a meios de comunicação internacionais, contou que ama muito seu filho e que é feliz por ele ser muito inteligente.

Publicidade

Ela também reclama que o fato da pele do seu filho ser enrugada afasta amigos para brincar com ele. No nascimento de Bayezid Hossain, os pais dele ficaram completamente desesperados. O pai e a mãe da criança são parentes diretos. Eles são primos de primeiro grau. No entanto, não é possível dizer ao certo se foi isso o que fez o menino nascer com tal rara condição. Outra questão é que cuidar do menino é muito caro. Os pais teriam gasto uma quantia próxima a R$ 16 mil, quando o salário mínimo local é de R$ 200.

Veja abaixo algumas das fotos que mostram o menino com a estranha síndrome e sua família. As imagens são incríveis e exibem como a vida dessa família mudou por conta desse problema.

E você, como consegue explicar o que houve com essa criança? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante e ajuda no diálogo de temas relevantes para a sociedade.