A violência nas escolas é um fenômeno global que preocupa pais e professores. Disso ninguém duvida. Contudo, ela continua a acontecer. Dessa vez, uma briga entre quatro estudantes do sexo feminino, em colégio de um bairro pobre da Filadélfia, Pensilvânia (#EUA), resultou em oito professores feridos e quatro jovens detidas pela polícia.

A briga aconteceu na última quarta-feira (3), na escola secundária Cheltenham. Além da violência entre as alunas, outro fato que chamou atenção da imprensa internacional foi o nocaute sofrido pela professora substituta.

Ao se preparar para ministrar a primeira aula do dia, às 7h30 da manhã, ela foi surpreendida pela repentina agressão entre as estudantes, no corredor do colégio.

Publicidade
Publicidade

Com objetivo de interromper o “espetáculo”, a docente acabou desmaiando ao ser fortemente golpeada. Duas, das quatro garotas eram irmãs, de acordo com jornais dos Estados Unidos e Reino Unido – veja manchetes abaixo.

Todavia, o bizarro episódio, filmado por William Bastone – possivelmente aluno – resultou na detenção das quatro garotas, acusadas de assalto e ameaça.

Publicidade

Entretanto, apenas uma estudante, Amber Lewis, 18 anos, foi presa como adulto.

O vídeo, com 38 segundos de duração, inicia com duas adolescentes discutindo no corredor. Em seguida, elas começam a trocar socos, atraindo a atenção das outras jovens, que se metem na briga.

Enquanto elas gritam, gemem, dão socos e puxam os cabelos, a professora entra em cena, no intuito de cessar a brutalidade entre as adolescentes. Contudo, acaba nocauteada ao ser golpeada no rosto.

Até o momento, o vídeo observado por mais de 110 mil internautas, viraliza na internet. Confira a seguir.

No mesmo dia, Ray McFall, diretor do colégio Cheltenham, onde tudo aconteceu, enviou e-mail aos pais. Nele, o administrador alertou que esse tipo de comportamento não será tolerado.

Amber Lewis, 18 anos, terá de pagar fiança estipulada em 10 mil dólares para ser libertada. Até lá, ela permanece na prisão do Condado de Montgomery.

A briga culminou em oito professores feridos, sendo quatro deles enviados para o hospital.

Publicidade

Um, com o ombro deslocado, e os outros dois com concussões, incluindo a docente nocauteada no vídeo.

Novas agressões no mesmo dia

De acordo com a emissora ABC News Filadélfia (canal 6), pais dos alunos revelaram que outras duas brigas aconteceram na quarta-feira (3), no período da tarde.

Ainda salientaram a frequência desse tipo de episódio na escola. “Estou surpreso que nunca foi [gravado] até que finalmente houve evidências de vídeo do que está acontecendo naquele edifício", comentou o pai Christopher Dean. #Curiosidades #Viral