Mais de cem anos se passaram, e a icônica e trágica história do Titanic continua rendendo manchetes em diversos jornais ao redor do mundo. O luxuoso navio britânico, que no passado encantava a todos por seu tamanho e pelos moldes inéditos de seu desenho, desta vez virou notícia após um grupo de investidores resolver iniciar um projeto audacioso: construir uma réplica em tamanho real do lendário navio dentro de um complexo de resort, visando atrair turistas para uma região localizada na parte ocidental da China, que está há pouco mais de 1.200 quilômetros do mar.

A réplica chinesa, mesmo não sendo navegável, medirá incríveis 269 metros de comprimento por 28 metros de largura.

Publicidade
Publicidade

Outro ponto interessante do projeto é que para tornar a experiência dentro do navio ainda mais real, ambientes como o salão de baile, piscinas, teatro, além de diversas cabines de primeira classe estão sendo cuidadosamente planejados. O famoso designer de produção de Hollywood, Curtis Schnell, foi um dos responsáveis por ajudar na reprodução dos diversos ambientes do navio da maneira mais realista possível. Vale ressaltar que em 1997, nas gravações do filme homônimo, a réplica da embarcação possuía 90% do tamanho do navio original, então esta será a primeira vez em 105 anos que uma réplica em tamanho real do Titanic será construída.

O Resort Romandisea contará também com outras diversas atrações para o público, tais como uma moderna praia artificial, um spa, além de um grande parque de diversões.

Publicidade

Também são planejadas construções temáticas de castelos europeus e das famosas igrejas de Veneza.

A empresa responsável pela construção do navio acredita que as obras sejam concluídas até o fim de 2017, e a estimativa é que ao final da construção, serão gastos mais de 160 milhões de dólares (aproximadamente 500 milhões de reais) no projeto da réplica do Titanic.

Preço salgado

Os aficionados pela história do navio, além dos interessados em participarem desta incrível experiência, terão que desembolsar uma boa quantia em dinheiro para passarem uma noite na embarcação. Quando a obra estiver concluída, estima-se que os visitantes terão de pagar 435 dólares (R$ 1.350) para desfrutarem de uma noite em um dos camarotes da classe econômica do navio. Outro plano da empresa é incluir uma simulação da colisão com um iceberg, como aquele que afundou o Titanic em 1912, para tornar a experiência dos visitantes ainda mais impressionante. #Curiosidades