As aparências enganam e muita gente ainda incide no mesmo erro.

Na Tailândia, um homem identificado como Lung Decha, que vestia roupas velhas, chinelo de dedo e aparentemente tinha 'cara de morador de rua', entrou em uma loja da Harley Davidson, que vende motos caríssimas, mas não foi atendido por nenhum dos vendedores no dia 3 de maio.

Mesmo depois de tudo isso, o homem comprou uma Harley Davidson, pagando em dinheiro e à vista.

Preconceito

O fato ocorreu no interior da loja Maxsingburi Bike Shop, em Amphoe Khai Bang Rachan, na província de Sing Buri, na Tailândia.

Segundo fontes do site tailandês Sanook, o homem adentrou ao estabelecimento e começou a olhar as motos que estavam ali expostas.

Publicidade
Publicidade

Uma #moto em especial, que custa cerca de R$ 55 mil, chamou a atenção do homem e ele ficou a admirando.

Todos os vendedores da loja notaram, mas ninguém foi atendê-lo, porque provavelmente supuseram que o homem não teria dinheiro para comprar naquela loja.

Depois de algum tempo, o dono da loja percebeu o pretenso 'cliente abandonado' e começou a conversar com ele, em uma interação que durou pouco mais de 10 minutos.

A reação de Decha é simplesmente surpreendente!

Dinheiro 'vivo'

Depois de ser atendido pelo dono da loja, o homem simplesmente tirou o que equivaleria a R$ 55 mil reais de dentro dos bolsos e comprou a moto.

O jornal tailandês destacou que a loja chegou a publicar o fato no Facebook. Porém, logo em seguida, o post foi apagado diante de tamanha repercussão do caso.

A irmã de Decha disse que ele é um homem simples, que não é rico, mas que economizou tudo o que pôde para comprar uma Harley Davidson, que sempre foi o seu sonho.

Publicidade

O homem decidiu fazer isso depois de ter se aposentado como mecânico e, ao que tudo indica, usou todo o dinheiro que economizou para comprar a moto.

Posteriormente, Lung Decha voltou à loja, agora usando roupas com as quais foi considerado 'bem vestido', a fim de regularizar os documentos do veículo.

Veja o vídeo:

Decha está muito bem e feliz com a sua nova moto.

Como se vê, muitas pessoas preconceituosas, iludidas por uma 'falsa aparência', acabam cometendo atos contra pessoas como Lung Decha, que tem muito mais dinheiro vivo do que muita gente, que acaba fingindo algo que não é.

Esse é mais um exemplo de como a humanidade ainda precisa evoluir, e muito. Os vendedores da loja devem ter ficado amargamente arrependidos depois do caso. Bem, e o dono da loja deve estar pensando em contratar novos vendedores.

Que o Sr. Decha sinta-se extremamente realizado com seu novo objeto de consumo e deleite! #Tailandia #HarleyDavidson