O jornal português “Diário de Notícias” noticiou hoje que há um grupo de pessoas em Portugal que recebem milhares de euros para simular acidentes. O objetivo em criar esses acidentes é burlar as seguradoras de forma a conseguirem obter indenizações de valor elevado. Segundo o jornal, há redes altamente profissionalizadas executando esse tipo de criminalidade, uma delas terá sido desmantelada recentemente pela polícia e terá provocado cerca de 60 acidentes com #Carros de gama média alta e alta.

O jornal “Diário de Notícias” descreve essas redes como sendo criminosas e altamente profissionais. Para essas organizações criminosas trabalham homens e mulheres que lançam carros contra muros ou uns contra os outros e que usam equipamento de proteção de alta qualidade, tais como luvas, capacetes ou até casacos especiais.

Publicidade
Publicidade

Essas redes que se dedicam a simular acidentes, chegam a pagar 2000 euros (7 mil Reais) aos seus operativos.

Normalmente, segundo a investigação do jornal português, os criminosos simulam os acidentes dirigindo carros de gama média alta ou alta e com seguros bastante completos, conhecidos como sendo seguros contra todos os riscos. Esses carros são, na maioria das vezes roubados ou adquiridos com salvados, mas com o número do chassis alterado de maneira ilegal.

Depois de provocarem o acidente, os membros da rede denunciam-no ao seguro e os proprietários dos automóveis e também os condutores são então indenizados. As autoridades dizem que já houve vários casos em que os carros acidentados foram depois comprados de novo de forma a que a fraude tivesse novamente início com novas encenações.

Publicidade

Devido a essa investigação e a várias denúncias sobre esse tipo de fraude, a Associação Portuguesa de Seguradores fez um estudo que indica que os acidentes suspeitos já causaram prejuízos de 160 milhões de euros(600 milhões de Reais) para as seguradoras, no entanto, as empresas do setor conseguiram provar #Crime em apenas uma pequena percentagem dos acidentes, apenas em cerca de 13%.

Entretanto, as autoridades revelaram ao “Jornal de Notícias” que, uma das várias redes criminosas que se dedicam a esse tipo de criminalidade, já foi desmantelada. A rede que foi “apanhada” pela polícia terá simulado 60 acidentes com o objetivo de receber o dinheiro do seguro.

O que você acha sobre esse tipo de criminalidade? Acha que há muitos acidentes provocados ou que existe algum exagero por parte das seguradoras? Escreva a sua opinião nos comentários! #Segurança