Vídeos de mulheres flagrando traições de seus maridos – e o contrário também – não são incomuns na internet. Mas as imagens de uma mulher, cuja identidade não foi divulgada, que subiu no capô do carro de seu esposo chamaram a atenção e viralizaram nas redes sociais O caso aconteceu na cidade de Pretoria, na África do Sul, na última semana.

Vídeos

As imagens foram feitas por pessoas que passavam por uma avenida movimentada da cidade sul-africana e foram postadas por uma mulher no Facebook. A postagem já alcançou milhares de comentários, mais de 15 mil compartilhamentos e quase cinco mil curtidas.

No primeiro vídeo, de um minuto e meio, que já foi visto 1,4 milhão de vezes, a cena é até engraçada.

Publicidade
Publicidade

O carro circula pela avenida com a mulher em cima, gritando, aparentemente revoltada com a #traição do marido.

A mulher teria subido no carro quando viu o esposo com a amante. A intenção era impedir que ele fugisse. O objetivo foi alcançado com sucesso, ao que parece. No segundo vídeo, de dois minutos e 50 segundos, visto por quase 500 mil pessoas, o homem para o carro com a esposa no capô e é obrigado a descer do veículo.

A amante fica do lado de dentro. A mulher, em cima do carro, continua a gritar com o marido. Dezenas de curiosos se amontoam em volta do carro para ver o desfecho da situação.

O homem desce do carro e, embora os dois conversem no idioma local, a esposa aponta para dentro do carro, como que perguntasse quem era aquela mulher. O marido tenta se explicar.

Cada vez chegam mais pessoas para acompanhar a briga, além de veículos que formam o trânsito.

Publicidade

Depois de quase dois minutos de vídeo, a mulher desce do capô e tenta invadir o veículo. O homem tenta segurar a esposa. Homens se aproximam e tentar controlar a situação.

Reação

Embora a reação da esposa traída tenta sido engraçada em alguns momentos do vídeo, como, por exemplo, quando o carro transita com ela cima, #adultério não tem nada de engraçado.

Alguns casos terminam com a separação do casal e destruição da família. Em outros, há agressões. Violência nunca é uma forma legal de se resolver nada. Na era das redes sociais, além dos problemas internos, há a exposição do casal na internet, o que torna a situação ainda mais complicada para todo os lados.