Infelizmente, crianças de todo mundo são vítimas, diariamente, de abusos sexuais. Um #Crime de estupro chegou ao fim, após uma menina acabar, mesmo sem querer, denunciando o próprio pai. A situação ganhou destaque em todo o mundo e foi descoberta graças a um professor. No geral, as crianças acabam sendo as maiores vítimas de crimes como esse. Por serem indefesas, não contarem e serem de fácil manipulação, acabam virando presas de pedófilos. O que muitos se surpreendem é quando esse crime é cometido por uma pessoa da própria residência da criança.

Pai estupra a filha e tudo é descoberto na sala de aula

Um caso noticiado nessa semana ganhou as manchetes de vários sites do mundo.

Publicidade
Publicidade

Um pai da cidade de San Antonio, no estado do Texas, acabou sendo preso. Ele é acusado de molestar a própria filha nos Estados Unidos. Identificado pela polícia local como Anthony Garay, o meliante, de 31 anos, é considerado o principal suspeito de cometer abusos sexuais contra a garotinha, que não teve o nome identificado. A menina tem apenas 9 anos e, segundo seus relatos, Anthony também cometia atividades sexuais contra a irmã dela mais nova. Durante uma aula, as crianças tiveram acesso à internet e a menina decidiu procurar por conteúdo adulto. Um professor, ao ver a cena, ficou assustado. Ele então fez perguntas para a menina e acabou descobrindo o pior.

Professor ouve relato absurdo e aciona as autoridades rapidamente

O professor, ao ver a cena apavorante, questionou por que a menina estava procurando por material adulto em plena aula.

Publicidade

A menina explicou que apenas estava em busca do que acontecia com ela todas as noites e revelou que quem fazia isso era o seu próprio pai. "Estou procurando o que meu pai tem feito comigo todas as noites. Ele não deixa eu dormir”, disse a garotinha. Imediatamente, o professor decidiu entrar em contato com as autoridades. Um dos serviços contactados foi o de proteção aos menores de idade. A entidade enviou um psicólogo para conversar com a criança e ela contou então que o seu pai a estuprava todas as noites há pelo menos um ano.

Pai confessa abusar das filhas

Ao chegar o nome do americano, a polícia descobriu que ele já era investigado por dois crimes de abuso sexual. Nos dois casos, as vítimas molestadas eram suas filhas. O homem confessou que também estuprava as duas filhas menores há um ano e foi preso em seguida. Ele pode tentar responder em liberdade, caso pague uma fiança avaliada em cerca de R$ 240 mil. Até o momento, ele não pagou a quantia.