Quando o amor é verdadeiro, nem mesmo o tempo pode apagá-lo ou fazer com que as lembranças sejam esquecidas, muito pelo contrário, fatos importantes podem surgir e foi exatamente isso que aconteceu com o senhor Rolf Christoffersen, que hoje possui 96 anos.

O americano recebeu recentemente uma carta de #Amor de sua falecida esposa, a qual, acabou chamando a atenção devido o dia em que foi datada, que era dia 4 de maio do ano de 1945.

Virginia era a falecida esposa de Rolf e na carta ela tentava avisar sobre a gravidez de seu primeiro filho. A carta ainda fechada, acabou sendo encontrada por um rapaz e sua filha, que estavam em uma antiga casa localizada em Nova Jersey, nos Estados Unidos.

Publicidade
Publicidade

Melissa e Allen Cook chegaram a encontrar a antiga carta e uma brecha no teto de um dos cômodos da casa enquanto realizavam uma reforma. Como a mesma tinha sido escrita a setenta e dois anos atrás, a curiosidade acabou falando mais alto e ambos decidiram abrir a carta para conferir do que se tratava.

Mas, o que dizia na carta?

A carta nada mais era do que uma declaração de amor, onde Virginia dizia que Rolf era o grande amor de sua vida. Encantados pela carta, o pai e a filha que a encontraram decidiram procurar pela internet o seu destinatário, e conseguiram encontrar o contato de um dos filhos de Rolf, que por sua vez, possui o mesmo nome de seu pai e atualmente vive na Califórnia em Santa Barbara.

Publicidade

Já com seus sessenta e seis anos, Rolf filho, ainda não era nascido quando a carta foi redigida por sua mãe e relatou ficar extremamente emocionado ao ler toda aquela declaração para seu pai.

Segundo Rolf, Melissa chegou a perguntar onde ele havia nascido e logo depois contou sobre a carta. Logo em seguida, ele ligou para seu pai e leu todo o conteúdo, o deixando extremamente emocionado.

Rolf pai, mencionou estar muito feliz ao descobrir sobre a existência daquela carta após todos esses anos, ficando surpreso e emocionado com tudo que estava ocorrendo.

Allen afirmou que o envelope da carta estava bem amarelado e envelhecido e que certamente nunca havia sido aberto. Segundo ele, foi uma experiência única quando começou a ler o conteúdo da carta, na qual ela contava sobre o filho que estava esperando de Rolf, além de declarar inúmeras vezes seu amor e alegria.

A carta foi escrita enquanto Virginia ainda trabalhava na Marinha norueguesa, porém, o envelope foi marcado com “retornar ao remetente” e até o presente momento, Rolf ainda não possuía conhecimento algum das palavras de sua falecida esposa. #Relacionamentos #Relacionamento