Georgina Callander, de apenas 18 anos, foi uma das primeiras vítimas mortais confirmadas após o atentado terrorista no concerto da norte-americana #Ariana Grande, na cidade de Manchester, Inglaterra, nesta segunda-feira à noite (22) Tal como garante o site “Mais PB”, a jovem era uma enorme admiradora da jovem artista, tendo, horas antes de morrer tragicamente no final do show, enviado uma mensagem à artista, onde provava bem o enorme amor e admiração que sentia por ela.

“Muito animada para te ver amanhã”, escreveu a jovem adolescente na sua conta de Instagram, ao mesmo tempo em que compartilhou uma foto sua, muito sorridente, ao lado precisamente de Ariana, visto que ambas já tinham estado juntas no ano de 2015.

Publicidade
Publicidade

O maior ataque terrorista no Reino Unido, desde 2005, aconteceu por volta das 22 horas de segunda-feira na Manchester Arena, um dos maiores recintos cobertos para receber grandes eventos na Europa, tendo capacidade para 28 mil pessoas. Segundo informações das autoridades, tudo aconteceu quando um homem-bomba, depois de aguardar pela saída dos primeiros fãs do concerto, decidiu detonar o explosivo, causando quase uma centena de feridos, sendo que muitos deles se tratam de jovens e crianças.

Enquanto os 59 feridos tentam lutar ao máximo pela sua sobrevivência, espalhados por oito hospitais diferentes na região de Manchester, 22 pessoas já foram confirmadas como mortas, começando agora a surgir as primeiras identificações dessas vítimas. Foi precisamente isso que aconteceu com Georgina Callander, que aproveitou a presença de uma das suas artistas preferidas no Reino Unido para ouvir e cantar as suas músicas ao vivo, não tendo conseguido esconder o enorme entusiasmo que estava sentindo por se reencontrar com a artista.

“Georgina era uma adorável jovem estudante, muito popular entre seus colegas e entre os funcionários e sempre aproveitou ao máximo as oportunidades que teve nos estudos”, revelou em comunicado a universidade da jovem, que estava estudando em um curso de saúde e assistência social.

Publicidade

Sabendo dessa história trágica e ao mesmo tempo comovente, muitos fãs de Ariana fizeram questão de compartilhar massivamente a foto de Georgina nas redes sociais. Foi para que a jovem pudesse ser homenageada e o máximo de pessoas possíveis, um pouco por todo o mundo, pudessem rezar um pouco pelos familiares e amigos que a perderam nesse atentando terrorista. Poucas horas depois de ter acontecido, já foi reivindicado pelo Estado Islâmico. #GeorginaCallender #Terrorismo