Será possível mudar a cor dos olhos definitivamente? Excluindo-se as teorias ‘placebo’ do biokinesis, e das tradicionais lentes de contato coloridas, existe uma forma bem arriscada de obter os olhos na cor desejada.

Essa técnica, realizada na Índia, será a mais nova intervenção cirúrgica do brasileiro #Rodrigo Alves, mais conhecido como, #Ken humano. O rapaz, que ganhou esse apelido após realizar muitas cirurgias e ficar parecendo um boneco, irá se submeter a sua cirurgia de número 58.

O seu novo objetivo em busca da perfeição, como ele mesmo descreve nas redes sociais, é mudar a cor dos olhos. O brasileiro, que vive no Reino Unido, tem os olhos castanhos e usa lentes coloridas desde os 14 anos.

Publicidade
Publicidade

Hoje ele está com 33 anos. Rodrigo conta que se cansou de usar lentes e que elas são muito caras e que agora, quem mudar a cor dos olhos, definitivamente.

Rodrigo já viajou para Nova Deli, na Índia, onde faz os últimos preparativos para a cirurgia que tornará os seus olhos uma cor parecida com as lentes que ele usa normalmente: verde acinzentado. Entretanto, nada garante que a cirurgia será um sucesso e ele pode ficar cego ou desenvolver um glaucoma.

A cirurgia

Apesar de muita gente ver a cirurgia como uma opção estética no mercado, a verdade é que ela não foi criada para este fim. O procedimento foi criado para as pessoas que não tiveram o desenvolvimento da íris, ao nascer, bem como as que sofreram alguma queimadura. Entretanto, muita gente tem se arriscado para ter olhos claros, sem o uso de lentes.

Publicidade

Por conta de sua real indicação, os médicos orientam que a mesma não seja realizada por alguém que possui olhos saudáveis, pois existe o risco de cegueira, bem como de glaucoma. O valor é de aproximadamente R$28 mil. A Índia é o país pioneiro nesse tipo de procedimento e na maior parte do mundo, os médicos não a realizam, inclusive no Reino Unido, onde Rodrigo vive.

Quando não ocorre a cegueira, o paciente costuma voltar a enxergar em cerca de três dias, mas isso não descarta o desenvolvimento de glaucoma. No momento da cirurgia, os olhos são anestesiados e uma fenda de 2,8 mm, corta a parte frontal do olho, para que um implante de silicone, similar a uma lente, mas mais resistente, seja implantado. Depois ocorre uma selagem e, segundo os médicos, é um procedimento rápido.

Paixão por cirurgias

Rodrigo é apaixonado por cirurgias plásticas e já disse em inúmeras entrevistas que não vai parar de se operar, enquanto não se sentir perfeito. Ela já gastou mais de R$1,6 milhão em suas mais de 50 cirurgias.

No começo do ano ele fez um descolamento dos músculos do rosto, chamado de facelift SMAS. Entretanto, ele afirma que esse foi um momento difícil e chegou a se questionar se realmente fez a coisa certa. Após o pós operatório traumático, ele disse que valeu a pena. #cirurgia para mudar a cor dos olhos