Uma garotinha de apenas sete anos de idade emocionou todo o mundo, após ir pela primeira vez a sua escola depois que colocar uma prótese em uma de suas pernas. O caso aconteceu na cidade de Birmingham, na Inglaterra e o #Vídeo se espalhou pelo mundo neste último sábado (06).

A garotinha, esbanjando felicidade, fez questão de logo mostrar a sua prótese aos seus amigos da escola. A reação dos coleguinhas foi incrível. Eles agiram de maneira solidária e ficaram tão empolgados que a cena acabou emocionando a todos que assistiram.

Em apenas um período de 24 horas, o vídeo teve um alcance de mais de um milhão de visualizações.

Publicidade
Publicidade

Tanto sucesso na internet, o vídeo acabou sendo reproduzido na TV aberta pelo programa “BBC Midlands Today”. A garotinha, identificada pelo prenome Anu, abordou os coleguinhas sem receios ou vergonha da sua condição. No vídeo, ainda se ver a alegria dela ao brincar com seus colegas enquanto outros a saudavam por estar de volta à escola.

“Uau! Que maneiro”, exaltou uma amiga da garotinha ao ver a prótese em uma de suas pernas. “Nossa, isso é incrível”, afirma outra amiguinha com o semblante emocionado.

A história de Anu foi muito #Emocionante. Ela precisou amputar a perna direita logo após o seu nascimento. Mas só quando ela completou os sete anos de idade conseguiu a prótese.

Para conseguir a prótese não foi nada fácil, teve que haver um alto investimento de 1,5 milhão de euros, que equivale a quase cinco milhões de reais aqui no Brasil.

Publicidade

Todo o dinheiro veio do Serviço de Saúde Nacional do Reino Unido que tem como objetivo assegurar que crianças recebam próteses que os permitam nadar e correr. A estudante britânica estava incluída no programa, mas acabou recebendo uma prótese totalmente modificada especialmente para o seu corpo.

Mesmo com todos os gastos e esforços, o financiamento da prótese está previsto para acabar no terceiro mês do ano de 2018. Um verdadeiro impasse, segundo a mídia inglesa, para as crianças que precisam realizar a troca das próteses no curto período de dois em dois anos e, assim, sucessivamente adequá-las ao seu desenvolvimento e crescimento.

Assista ao vídeo abaixo que promete aquecer o seu coração, ainda que você se considere um “coração de gelo”.

O que você achou do vídeo acima? Que tal expressar a sua opinião? Deixe seu comentário logo abaixo, ele é muito importante e nos ajuda a sempre trazer assuntos relevantes e de interesse a sociedade em geral. #criança