Um vídeo mostrando o momento angustiante em que uma adolescente indiana é resgatada depois de ter ficado enterrada viva por cerca de duas horas está rodando o mundo nesta sexta-feira (12). Segundo relatos locais, três homens abordaram Khushboo Khatun, de 19 anos, enquanto ela voltava para casa do mercado e a jogaram em um poço de areia de 1 metro de profundidade.

Eles, então, o encheram de terra e a deixaram ali para morrer. O incidente é dito ter ocorrido na vila de Govindpur de Bihar, no Leste da Índia, no domingo (7).

Segundo informações dos pais da vítima, identificados como Muhammad Azim Ansari, de 43 anos, pai da jovem e Sanjana Khatun, de 40 anos, a mãe, eles começaram a ficar preocupados devido à demora da vítima chegar em casa e resolveram sair à procura da jovem.

Publicidade
Publicidade

Após alguns minutos de procura, a mãe da jovem avistou um poço. Ao chegar perto, viu a filha enterrada da cintura para baixo já semi-inconsciente. Rapidamente os pais da vítima começaram a cavar e chamaram outros aldeões para ajudar no resgate da jovem.

As imagens do vídeo mostram as pessoas escavando e a metade inferior do corpo da jovem ainda está enterrado. Eles jogaram água na moça em uma tentativa de limpar a terra, mas Khushboo mal conseguia segurar-se ereta, com os homens continuando a cavar em uma tentativa de desenterra-la.

Um socorrista pode ser visto puxando detritos de dentro de sua boca da moça. A adolescente foi retirada do poço e levada às presas para uma unidade médica da cidade, onde recebeu todos os atendimentos necessários. "Eles me jogaram na cova, tentaram me enterrar vivo, para que eles pudessem me matar", disse Kushboo.

Publicidade

Veja o vídeo do resgate abaixo:

A polícia está à procura dos acusados. A suspeita é que um empresário local, identificado como Amit Shah, seja um dos cúmplices. Nawal Kishore Singh, superintendente da Delegacia de Polícia de Samastipur, disse que o empresário queria usar as terras da mãe da vítima para uma obra. Como a mãe da jovem não estava disposta a vender, Amit teria usado Khushboo como uma ameaça.

"É uma disputa de propriedade. Tem acontecido há vários anos. O empresário ameaçou a mãe da jovem muitas vezes no passado. Amit, junto com outros dois, atacou um membro da família de Ansari como um aviso. Eles jogaram a menina em um poço e encheu-a com terra. Estamos procurando os três suspeitos. Khushboo recebeu alta no hospital no dia seguinte e agora está se recuperando em casa”, disse o superintendente de polícia. #Crime #Investigação Criminal #Casos de polícia