Foi há sete anos que a imagem de um menino fumando cigarros chocou todo o mundo. Ardi Rizal tinha somente dois anos e, supostamente, estava fumando 40 cigarros por dia. Além de ser fumante, ele era gordinho e impressionava por seu tamanho exagerado para a sua idade. Sete anos depois, parece que tudo mudou na vida do pequeno Ardi, que adotou um estilo bem mais saudável e as imagens mostram sua evolução, bem positiva.

O menino indonésio Ardi Rizal causou preocupação e indignação quando foi visto fumando, com muita naturalidade, enquanto andava de bicicleta, há sete anos. Agora, já com nove anos, o rapaz abandonou os maus hábitos e transformou sua vida para bem melhor.

Publicidade
Publicidade

No entanto, no caminho para sua mudança, ele chegou a ficar ainda mais gordinho. Quando tinha cinco anos, a criança sofria com o excesso de peso, provocado por ele ter trocado o vício do cigarro pelo vício da comida. O menino sofria com os quilos a mais.

Porém, Ardi não desistiu e nos últimos anos conseguiu emagrecer. O menino tem perdido esses quilos extras e está cada vez com um estilo de vida mais saudável e seu exemplo é maravilhoso para todos.

Ardi vive em uma vila remota em Sumatra e se tornou em um foco de preocupação internacional, quando as fotos dele fumando foram reveladas pela primeira vez. Os pais de Ardi revelaram que o vício do #tabagismo começou quando o pai do menino lhe deu seu primeiro cigarro, quando ele tinha apenas 18 meses de idade.

Depois de toda a polêmica com esse caso, houve uma intervenção exterior.

Publicidade

O governo financiou cuidados especializados intensivos, e assim os pais de Ardi foram capazes de libertá-lo de cigarros. Porém, ele teve seu vício substituído pela alimentação.

Com cinco anos, Ardi estava pesando 22 quilos, o que os médicos consideravam como peso excessivo. O menino estaria pesando seis quilos mais do que seria normal para uma criança de sua idade. Por essa altura, a mãe comentava que enquanto "desmamavam" o menino dos cigarros, ele sofreu muito e acabou se refugiando na comida.

Por essa razão, os pais tiveram que procurar a ajuda de um nutricionista, para lutar contra sua nova obsessão. Agora, com a ajuda do governo da Indonésia e um nutricionista, Ardi ressurgiu com uma nova imagem e livre de dependências. O menino nem quer ouvir falar de cigarro e continua com sua dieta. A criança de nove anos, que consumia três latas de leite condensado por dia, está agora restrita a uma dieta composta de peixe fresco, frutas e legumes, para ajudá-lo a perder peso.

As novas fotos mostram um menino muito maa saudável e que, supostmente, apresenta resultados de excelência na escola.

Veja as fotos e perceba como ele mudou:

#crianças #obesidade