Um fato bizarro e assustador está tirando a paz de uma cidade africana. Tudo por conta do nascimento de uma #ovelha que nasceu com aparência de um ser humano. Os moradores locais estão acusando o dono do animal de "mexer com #feitiçaria" depois que uma ovelha deu à luz um feto "meio homem, meio carneiro" esta semana. O caso intrigante aconteceu no distrito de Chris Hani, província do Cabo Oriental da África do Sul.

Alguns acreditam que a ovelha tenha dado à luz a um #Demônio, depois de verem que a criatura tem aparência com o corpo humano com cascos e pele rosa. Outros sugeriram que a imagem era um engano - ou que o animal era resultado da injeção de ovelha com esperma humano.

Publicidade
Publicidade

Mas os funcionários da agricultura do Departamento de Desenvolvimento Rural do Cabo Oriental confirmam que o animal era real e as imagens são genuínas.

O diretor chefe dos Serviços Veterinários, Dr. Lubabalo Mrwebi, acrescentou que testes confirmaram que o feto era realmente de um cordeiro, apesar da aparência. "Nós gostaríamos de confirmar que cordeiro severamente deformado que nasceu de uma ovelha na aldeia de Lady Frere esta semana é um fato verídico. Embora de relance pareça uma forma humana, não é humano, mas um cordeiro morto deformado criado por uma ovelha e posteriormente infectado por uma febre do Vale do Rift em um estágio inicial de sua gravidez", relatou Lubabalo.

Para o diretor, a ovelha que deu à luz contraiu um vírus que deformou o feto. "Não é incomum que os animais grávidos sejam infectados por vírus no início da gravidez.

Publicidade

As infecções por vírus em estágios iniciais da gravidez podem infectar o feto e levar ao desenvolvimento de malformações no feto em crescimento. É provável que seja o que aconteceu com a ovelha em Lady Frere. Pedimos à comunidade local que não entre em pânico por esse cordeiro deformado. Podemos confirmar que este cordeiro deformado não é uma progênie de óvulo ovino e um esperma humano", contou o diretor.

Segundo o Dr. Lubabalo, o cordeiro tinha sido gerado cinco meses atrás. Isso significa que a ovelha ficou grávida em um momento em que havia fortes chuvas e, portanto, abundância de umidade para mosquitos conhecidos como vetores do vírus.

Ele acrescentou que a cabeça inchada era resultado da acumulação anormal de líquido na cavidade cerebral, uma condição referida como hidranencefalia. "Mais testes estão sendo realizados", disse ele. Alguns moradores cogitaram a possibilidade da ovelha ter engravidado de um homem, mas os veterinários do departamento estão preparando um laudo e em breve deve mostrar aos nativos na intenção de provar que esse caso se trata de uma doença e não de feitiçaria, nem acasalamento humano.