Um homem idoso de 91 anos está se recuperando depois que ele foi brutalmente agredido com uma bengala por um rapaz, em Manhattan, na tarde da última sexta-feira (2).

Sem motivação

O ataque, que não teve motivação nenhuma, ocorreu às 18 horas, perto da 4863 Broadway, em Inwood, informou a #Polícia.

Na noite de sábado, a polícia disse que Saul Nunez, de 19 anos, do Bronx, havia sido preso e poderia ser o agressor do idoso. Ele foi acusado de assalto e porte ilegal de arma.

A vítima, o idoso Juan Llorens, conversou com o Daily Mail depois de retornar do hospital, mas o ataque o deixou surdo de uma orelha

A vítima chamou o fato de "ataque completamente não provocado" e disse que não conhecia o agressor.

Publicidade
Publicidade

A calçada estava cheia de pedestres quando o suspeito foi flagrado em um vídeo gravado por câmeras de segurança, à oeste da Rua 204, carregando uma bengala.

Covardia

Nas imagens, é possível notar que o idoso vinha caminhando pela rua, levando um carrinho com seus pertences. Em determinado momento, um homem usando boné e uma bengala aparece no vídeo e, "do nada", parte para cima da vítima e chuta o carrinho dela.

Não satisfeito, o homem ainda começa a agredir o idoso usando a bengala que levava e acerta na cabeça o idoso

Consternadas, as pessoas que passavam na rua responderam imediatamente a #agressão e partiram para cima do agressor, em uma tentativa de proteger o idoso. Em determinado momento, um homem de mochila intervém e entra em luta corporal com o agressor do idoso.

Assista ao vídeo:

Idoso é conhecido no bairro

Quase todos no bairro conhecem o idoso, Llorens, o qual sobrevive recolhendo latas, garrafas e materiais recicláveis na rua.

Publicidade

E foi justamente por isso que muitas pessoas se mobilizaram para ajudá-lo durante e após a agressão sofrida.

"Todo mundo conhece-o como o avô", disse a testemunha Gemma Oberholtzer. "Se algo acontecer, eu não vou deixá-lo ser atacado".

"Eu o conheço há décadas", acrescentou um homem chamado John Higgins.

"Está triste, triste de ver", disse Frank Alvarez.

Os moradores estão horrorizados por alguém querer atacar o vizinho indefeso, que mal tem forças para empurrar o carrinho que sempre leva consigo recolhendo os objetos.

"Ele nunca prejudicou ninguém", disse Bruce Cruz.

Llorens disse que ele está muito grato pela bondade e solidariedade das pessoas do bairro para com ele.

Comente e compartilhe. Ajude-nos a trazer conteúdo de qualidade para a internet. #Crime