Rebecca Burger, uma #Blogueira francesa, veio a falecer neste final de semana, após um acidente doméstico no mínimo inusitado.

A blogueira estava utilizando um sifão de chantilly quando a parte superior do mesmo explodiu, a ferindo fortemente no peito. Ela acabou falecendo pouco depois do acidente, vítima dos ferimentos.

Rebecca era conhecida na internet, principalmente na rede social Instagram, onde publicava vídeos promovendo exercícios físicos e sua vida fitness.

Pouco tempo depois do ocorrido, a família da blogueira postou uma imagem do sifão e pedindo para que os seguidores não utilizassem esse tipo de produto.

Em 2014, dois outros casos de explosão de sifões de chantilly da mesma marca ocorreram, em ambos os casos as vítimas só sofreram ferimentos leves, não vindo a falecer.

Publicidade
Publicidade

O instituto nacional de consumo do país, já havia anteriormente publicado em uma revista de ampla divulgação os perigos de utilizarem esse produto desta marca específica. De acordo com eles o corpo de plástico do produto poderia não ser capaz de aguentar a pressão causada pelo gás carbônico no interior do corpo do produto.

O sifão de chantilly é muito comum de se utilizar em restaurante para facilitar o preparo de alguns pratos, mas de uns anos para cá se tornou normal a utilização deste tipo de produto também em residências particulares.

Como o sifão funciona

Normalmente, o corpo do produto é de metal para aguentar a pressão do gás carbônico. Basicamente o produto é uma garrafa, onde a pessoa coloca o chantilly em estado líquido em seu interior. Na sequência, a pessoa fecha, vedando a tampa do produto.

Publicidade

Nesta tampa também existe um produto para utilizar o chantilly depois de pronto.

Após fechar corretamente o produto, existe uma outra entrada, geralmente na mesma tampa do produto, onde se insere uma cápsula com gás carbônico pressurizado. Quando o gatilho é pressionado, a pressão realizada pelo gás carbônico pressurizado, faz com que o chantilly saia já em seu aspecto usual.

O que ocorreu no caso da blogueira é que seu sifão era produzido totalmente em plástico, não se sabe se por defeito no produto, mau uso do produto, ou até mesmo um defeito na capsula de gás carbônico, como, por exemplo, ela ter vindo com mais pressão do que o correto, fez com que o sifão explodisse, atingindo o peito de Rebecca com toda a pressão existente dentro dele, o que acabou com que os estilhaços do produto em alta velocidade, ferissem mortalmente a blogueira. #explosao #Morte