Com cerca de 300 mil habitantes, Cusco é uma cidade andina, a 3400 metros acima do nível do mar, situada na região sudeste do Peru. Declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, em 1983, o lugar recebe turistas de todo mundo.

Embora as arquiteturas e as exuberantes paisagens sejam o principal atrativo de Cusco, recentemente, o lugar ganhou as manchetes dos tradicionais jornais britânicos Daily Mirror e The Sun – confira abaixo.

Porém, o motivo não teve relação com a cultura peruana, mas sim com uma bizarra boneca, cuja população acredita estar possuída por um espírito maligno.

Publicidade
Publicidade

Batizada pela imprensa como uma boneca do estilo Chucky, personagem do filme Brinquedo Assassino (1988), em que o boneco possuído pelo fantasma de um matador, funciona sem o uso de pilhas ou baterias, o brinquedo peruano também fala e mexe a cabeça sem a presença desses objetos, conforme alegam os moradores.

“O susto surgiu em Cusco, depois que a boneca foi filmada falando e se movendo apesar de ter suas baterias removidas”, declara a jornalista Abigail Austin, do Mirror.

Divulgado no Youtube em 7 de junho, o vídeo dividido em duas partes, com mais de 169 mil visualizações, mostra a boneca sentada no banco de uma praça, rodeada de curiosos.

Logo no início da gravação, um homem pergunta ao suposto objeto possuído se ele pode falar. Na sequência, a boneca pronuncia uma frase, impressionando as pessoas presentes na cena.

Publicidade

Contudo, no decorrer da gravação, algo ainda mais sinistro acontece. Depois do sujeito passar alguns minutos instigando o brinquedo a continuar a conversa, a macabra menina acaba piscando um dos olhos, na direção do interlocutor. Para ver o episódio, adiante para 3min50.

Fraude?

Apesar dos crentes acreditarem na possibilidade de um brinquedo inanimado ser controlado por uma entidade sobrenatural, no segundo vídeo, com mais de 121 mil visualizações, logo no início, quando uma mulher vira a boneca de costas, para mostrar que ela não está com baterias, é possível notar três pilhas acopladas ao brinquedo, que, supostamente só funciona com seis – veja a foto e o filme 2.

Embora não seja possível afirmar que o episódio é um elaborado embuste, o fato de três pilhas continuarem no brinquedo evidencia a chance de fraude.

Publicidade

Entretanto, devido as peculiares características e crenças a respeito da boneca, ela chegou a ser objeto de reportagens em emissoras no país – segue abaixo.

No Youtube, usuários debateram o assunto. A internauta PaolaMartinez G, por exemplo, jura que ela funciona por conta própria. “Não é falsa ou armado. Meu professor de história disse que a boneca naqueles vídeos não tinha bateria, também nos mostrou mais vídeos e áudios”, afirma.

No entanto, para o sujeito identificado pelo pseudônimo NOSTRADAMUS PROFECIAS, o vídeo é ilegítimo, e as pessoas que aparecem almejam chamar atenção. “O vídeo é falso, porque eles desmentiram as pessoas tagarelas, para ganhar dinheiro e publicidade”, acusa.

Entretanto, no entendimento de Luis Bolaños Munive, o mistério acerca da boneca é real. “Pare de insultar [para] fortalecer seu ego ... se é falso, o problema de quem acredita que é, se não for, é algo que nós não sabemos, e é melhor não explorar mais no momento”, avalia.

Até o momento, o enigma permanece. #Mídia #Curiosidades #Viral