O #Reality Show Bachelor The Paradise teve suas gravações suspensas nos Estados Unidos, de acordo com o site TMZ, por causa de um suposto caso de #Estupro. O participante DeMario Jackson teria mantido relações sexuais com Corinne Olympios, enquanto ela estava sem condições de consentir por ter exagerado na bebida.

Por conta disso, DeMario pede que exibam as imagens onde ambos tiveram relações porque diz estar com a consciência limpa e afirma que a relação foi consentida. DeMario acredita que o vídeo provará sua inocência, porque, segundo ele, Corinne estava lúcida e eles não fizeram nada de errado.

Bachelor The Paradise é um programa semelhante ao Big Brother Brasil produzido pela Warner Bros e transmitido pela emissora norte-americana ABC. Muitas pessoas que viram as imagens também relatam que houve consentimento mútuo, que Corinne parecia carinhosa e que correspondia aos avanços do rapaz.

Publicidade
Publicidade

Ainda de acordo com o TMZ, Corinne Olympios alegou estar bêbada e ter tido um ‘’blackout’’, ou seja, não se lembra de nada que aconteceu entre ela e DeMario, mas afirma não ter consentido nenhuma relação íntima entre os dois A participante afirma ter sido informada do acontecido apenas no dia seguinte por outros integrantes do programa.

Os mesmos integrantes disseram a Corinne que tentaram alertar os produtores do programa sobre o que estava acontecendo, mas eles não fizeram nada para conter o ocorrido. A moça ainda afirma ter namorado e que não faria nada a menos que estivesse muito bêbada.

Por enquanto, tudo está sendo investigado e a série está suspensa. A Warner Bros é a única que sabe de fato como está o processo de investigação, mas não se pronuncia sobre o caso. A People Magazine, famosa revista americana, afirma que é apenas uma investigação interna, uma vez que ninguém foi intimado ainda.

Publicidade

Segundo a People, a polícia não está envolvida, mas os produtores do reality show estão apurando os fatos porque levam isso tudo muito a sério.

De acordo com o site E! News, Corinne diz ser uma vítima e tem passando as últimas semanas tentando descobrir o que realmente aconteceu. Ela firma ter pouca lembrança do que ocorreu aquela noite, mas afirma que algo ruim aconteceu. A participante também disse estar fazendo terapia para lidar com todo o trauma que, para qualquer mulher, é um pesadelo e tem sido sua realidade: o estupro.

Nova versão

Jasmine Goode, outra participante do Bachelor The Paradise desmentiu as afirmações de Corinne. Segundo Jasmine, tudo estava bem e no dia seguinte, ela não fez menção alguma de estar machucada e que já havia se jogado para três homens no reality, depois foi interagir com DeMario.

Apenas quando os produtores tentaram cortar sua bebida, Corinne Olympios ficou muito brava e disse ao site do E! News: “Prestem atenção no que eu vou fazer”. Foi quando, segundo Jasmine, os boatos começaram.

Publicidade

O advogado de DeMario disse já ter solicitado as fitas da gravação e espera assisti-las na próxima semana, uma vez que isso se tornou um pesadelo para o rapaz e sua família.

Veja um vídeo com as versões do caso:

Tão logo o caso seja apurado, voltaremos com novas informações. #Famosos