Um garoto, de apenas 15 anos, assumiu o assassinato de seu melhor amigo. O rapaz confessou à polícia que cometeu o #Crime por não ter gostado da reação do amigo na postagem de uma garota, na qual o assassino estaria interessado. A arma do crime foi uma pistola de propriedade de sua avó. O caso quase inacreditável aconteceu na Itália, na província de Mileto, e o réu confesso é filho de um mafioso italiano, bem conhecido da imprensa.

Tudo começou quando Alex confessou ao amigo que estava interessado em uma garota, inclusive, inserindo-o na rede social da menina. Assim que a menina postou uma foto, a reação de Francesco foi dar uma curtida.

Publicidade
Publicidade

Mas esse ato seria seu último na rede social. Em total desagrado, Alex ficou furioso e planejou um assassinato de forma diabólica e cruel. O amigo convidou o outro para um passeio, num local chamado Campo das Oliveira, na cidade onde moravam, Mileto. Francesco, sem saber da verdadeira intenção do amigo, aceitou.

Assim que Francesco chegou ao local, se deparou com Alex nervoso. O rapaz não titubeou e imediatamente sacou a arma que havia trazido consigo e atirou três vezes contra Francesco. Em seu depoimento, ele afirma ter pego a arma escondido de sua avó. A vítima, que não teve nenhuma reação e nem a chance de se defender, morreu no local.

Um amigo dos dois deu os detalhes do crime, nas redes sociais. Segundo o relato do amigo, as investigações da polícia foram encerradas após #Alex Pitito ter confessado o crime, alegando ser um crime para manter a sua honra.

Publicidade

O crime chocou inclusive a polícia, já que a amizade dos dois era daquelas, tipo, amigos inseparáveis. Eles dormiam um na casa do outro, eram confidentes, mas, para a polícia, a educação pouco ortodoxa dispensada a Pitito por sua família, que está quase toda presa, influenciou na ação do garoto, que agora será julgado em um tribunal de jovens pelo crime de homicídio. Assim como no Brasil, a Itália dá tratativa especial para jovens delinquentes que cometem crimes e tem idade inferior a 18 anos.

Quem é o mafioso, pai de Alex Pitito?

Alex, o assassino frio, tem como pai um homem apontado pela imprensa italiana como 'O Tio'. Salvatore tem 49 anos e foi preso junto com a mãe, Maria Antonia Messiano, o irmão, que tem 21 anos, e o primo Pasquale, em janeiro de 2017, na operação Stammer. A operação investigava a família e constatou que eles eram responsáveis por uma importante organização criminosa que traficava cocaína para a América do Sul, incluindo o Brasil. #Facebook