Heidy Pandora tem 24 anos e atualmente está desempregada. No entanto, isso não a está impedindo de viajar o tempo todo. Durante os últimos três anos, esta beldade de Orlando, na Florida (EUA), visitou mais de 20 países, depois de se ter inscrito em um site, o Miss Travel.

Todas as viagens são financiadas pelos homens com quem ela viaja. Heidy admite que alguns deles até são casados e outros são simples desconhecidos. Apesar de ela estar viajando com homens diferentes o tempo todo, ela nega ser #Prostituta e diz ser apenas uma "amante de viagens".

Esta jovem encontrou uma mina de ouro. Ela adora viajar e depois de se inscrever no referido site, percebeu que o pode fazer o que mais gosta sem precisar pagar por isso.

Publicidade
Publicidade

Heidy trabalhava de massagista, mas acabou desistindo quando começou com essas viagens.

Em declarações para o jornal The Sun, ela contou que sabe que alguns dos homens são casados, mas que isso não a incomoda. "Eu não vejo isso como um grande problema fazer #sexo com homens casados. Se eles estão casados ​​e olhando para outro lugar, é porque eles não estão felizes. Alguns deles não têm mais relações sexuais com suas esposas", contou Heidy ao The Sun.

Apesar de admitir as relações sexuais, a jovem diz que não se sente obrigada a fazê-lo. "Se nos conectarmos, as coisas acontecem. Mas se não nos conectamos, então simplesmente nos divertimos na #Viagem ou volto para casa. Viajei com diferentes tipos de caras, mas não tive relações sexuais com todos eles", contou Heidy, que já visitou locais glamorosos, como Dubai, Marrocos, Havaí, Aruba e Tailândia, com os homens ricos que conheceu no site.

Publicidade

A jovem americana diz que não tem namorado e que até gostaria de encontrar alguém especial. No entanto, seu foco é continuar viajando e conhecendo o mundo. "Eu não pago por nada. Estou economizando mais para o meu futuro. Então, eu não quero gastar dinheiro na viagem porque é muito caro", disse a garota.

Heydi contou como começou fazendo isso. Ela tinha 21 anos e estava lutando contra uma depressão. Com pouco dinheiro na conta, ela viajou até ao México e se sentiu curada. Por essa razão, decidiu fazer disso a sua vida.

O problema é que faltava o dinheiro para continuar viajando, e encontrou solução para o seu problema no site Miss Travel e acabou ficando viciada: "Eu ainda sofro de depressão, mas não é tão grave e viajar me mantém viva".

Heidy revelou que toda a sua família sabe o que ela faz e que pode contar com o apoio de todos. "A maioria das pessoas não tem a coragem de fazer o que eu faço, viajando com estranhos. É basicamente como um encontro às cegas", contou a jovem americana, que sabe que é muito criticada por fazer isso.

Mesmo na sua mídia social, ela recebe comentários negativos de pessoas que a acusam de ser uma caça-fortunas ou prostituta. Ela nega e diz até que não pede dinheiro por fazer isso, que a única coisa que ela pretende é mesmo viajar.