Dois leões foram encontrados mutilados, sem cabeça, patas e também sem a pele, no santuário de Emoya, na Africa do Sul. O fato, que embora chocante, não é inédito, chama a atenção pelo fato de os dois animais terem sido recentemente resgatados no Peru, justamente por sofrerem maus tratos por parte de seus proprietários.

Jose e Liso, os dois leões machos adultos, foram resgatados no Peru, onde serviam como atrações circenses. Com a proibição do uso de animais em espetáculos naquele país, acabaram recebendo uma oportunidade de se readaptarem ao mundo selvagem, em um reserva de mais de cinco mil hectares. Além de Jose e Liso, outros 31 grandes felinos foram resgatados em uma operação realizada no ano passado.

Publicidade
Publicidade

No entanto, o destino dos dois animais foi ainda mais trágico do que o que se poderia imaginar se continuassem no circo, já que o que foi visto por todos como um recomeço e uma redenção, tornou-se um verdadeiro show de horrores, promovido por curandeiros locais, que acreditam que certas partes do corpo dos animais, principalmente o cérebro e as patas dos leões, possuem poderem sobrenaturais. A partir dessa crença, sacrificam os felinos para a realização de rituais e produtos mágicos e curativos.

Responsáveis estão sendo procurados pelas autoridades locais

O responsável pela ONG que coordenou o resgate dos animais no ano passado afirmou que no início deste ano já haviam sido encontradas carcaças de leões nas mesmas condições, ou seja, decapitados, sem as patas e sem a pele. Muito consternado, ele ainda tenta aceitar o fato, já que os dois leões tiveram uma vida de sofrimento e de privações, e que justamente ao poder ter contato com a vida natural, foram vítimas das tradições do povo local.

Publicidade

As autoridades locais estão em busca dos responsáveis, mesmo com a dificuldade em encontrar os curandeiros, já que contam com o apoio e o suporte das tribos locais. Para tentar localizá-los, a polícia oferece recompensa por informações concretas que possam levar aos culpados.

As autoridades ainda indicam que o fato de os animais serem dóceis, resultado de uma vida toda de cativeiro, deve ter facilitado a captura por parte dos assassinos. O caso rapidamente ganhou as manchetes do mundo todo, causando muita repercussão e revolta nas redes sociais, pois aquilo que deveria ser uma boa notícia acabou se tornando um fato trágico e brutal, consternando pessoas de todos os cantos do mundo, diante da brutalidade e crueldade do ser humano. #ritual #joseeliso #leoesdecapitados