O distrito de polícia da Terra Santa, como é conhecido o país de Israel, prendeu, neste domingo (11), uma jovem que passeava totalmente nua perante o #Muro das Lamentações, o lugar mais santificado da crença judaica, em Jerusalém, de acordo com detalhes dos agentes da corporação policial.

A jovem, que nasceu na Terra Santa e tem apenas 23 anos, simplesmente ficou pelada no começo da tarde nesse mesmo lugar onde são destinadas as preces, no local restrito para as pessoas do sexo feminino, conforme argumentou um dos agentes, Micky Rosenfeld.

Ele afirmou que os agentes que estavam no local colocaram alguma coisa para vesti-la, com o objetivo de "impedir uma situação mais perigosa" com os fiéis que por ali se encontravam.

Publicidade
Publicidade

"Nunca vi coisa parecida, é a única vez que uma jovem fica completamente pelada frente ao Muro das Lamentações", disse.

Rosenfeld ainda disse que a jovem passaria por um atendimento psicológico para entender o que a teria acontecido para ela ter tal reação.

Entenda o local dos fiéis

O Muro das Lamentações, também chamado de Muro Ocidental, é o lugar mais santificado do planeta para os #Judeus e é a privilegiada prova que ainda resta do Segundo Templo. O Primeiro Templo foi levantado mais ou menos no século 10 a.C. para preservar a Arca da Aliança, que possuía as tábuas de pedras verdadeiras que tinham os dez mandamentos.

Devastado pelos babilônios por volta de meio milênio depois, foi quase que seguidamente restaurado ainda naquele mesmo lugar. Mais ou menos no ano 20 a.C., Herodes, o Grande, custeou um enorme reparo, fazendo do santuário um local luxuoso, com enormes paredões que compunham o alicerce para a residência mais notável do lugar.

Publicidade

Por volta do ano 66 d.C., aconteceu o principal levante judeu em oposição à invasão do império romano, o revide não demorou muito. A cidade de Jerusalém acabou sendo novamente invadidas por exércitos de Tito por volta do ano 70 d.C., acabando completamente com Templo de Herodes.

Os destroços da força do combate estão sendo visitadas nos dias atuais. No entanto, o Muro das Lamentações é um lugar especial por ser o único que continuou conservado.

Embora o lugar do enorme santuário ainda fosse popular, assim como o Muro das Lamentações, pois os devotos se encontravam para lastimar o prejuízo do local santificado, o espaço é sossegado e as pessoas são bem recebidas para fazer suas preces e colocarem a clássica súplica escrita em papéis no meio das fissuras das pedras que o compõem.

No entanto, os locais sagrados também não estão livres de fatos inusitados. #mulher nua