Uma reportagem publicada na sexta-feira (23) pelo portal de notícias do jornal britânico Daily Mail relata que uma jovem foi demitida de uma escola em que ela dava aulas para crianças. Segundo o site, ela se recusou a largar um trabalho extra que arrumou como atriz de conteúdo adulto.

Diante da decisão, a #Professora de uma escola de jardim de infância cristã foi demitida por se recusar a abandonar um emprego de atriz de conteúdo adulto. A mulher foi identificada como Nina Skye, de 21 anos, que, segundo ela, ganha o equivalente quase R$ 9 mil por cena gravada. Porém, os funcionários da escola de Los Angeles, Califórnia, nos Estados Unidos, a confrontaram sobre suas aparições em filmes adultos.

Publicidade
Publicidade

Segundo informações divulgadas pela imprensa local, a professora contracena tanto com homens quando com mulheres. Nina disse que é uma boa professora e não vê porque seu trabalho extra deva impedi-la de dar aulas.

No entanto, professores da pré-escola, que não tiveram suas identidades reveladas, discordam da sua versão. Os colegas de trabalho relataram que a profissão como atriz de conteúdo adulto vai contra os valores religiosos da escola.

De acordo com a jovem, o novo emprego é o trabalho de seus sonhos e ela não quer deixar de contracenar por nada. Ainda de acordo com a professora, os conselheiros da escola ofereceram ajuda para que ela parasse de atuar na indústria de conteúdo adulto, mas recusou a oferta.

Conforme relata a mulher, o trabalho que faz não é fornicação. Segundo Nina, é como ter relações sexuais antes do casamento e é isso o que está fazendo.

Publicidade

Ela disse que os professores ofereceram ajuda e lhe deram conselhos para ela parar de fazer filmes sensuais, mas não pretende deixar a nova profissão.

De acordo com informações divulgadas pelo Daily Mail, a jovem relatou que ela adora ser professora, mas também adora ter relações sexuais. Ainda de acordo com o portal, a mulher disse que ela nunca tinha ganhado tanto dinheiro tão fácil.

Nina relatou que a primeira cena que fez com um homem e uma mulher recebeu cerca de R$ 8,3 mil. De acordo com a professora, ela nunca relatou que nunca tinha ganhado tanto dinheiro de uma só vez na vida. "É assim que eu sou, muito mente aberta", disse a professora.

Por fim, a ex-professora garante que não pretende largar o ramo de filmes adultos para dar aulas e afirma que entende o motivo de ser despedida. Ela acrescenta que está feliz com a nova atividade. #Relacionamentos #Religião