Já estamos acostumados a ver na mídia casos que envolvem professoras e seus alunos. Esta semana a noticia que chamou a atenção do mundo vem dos Estados Unidos, país em que o número de professoras que se relacionam com os estudantes é cada vez maior.

Esse caso recente envolve Erin McAuliffe, #Professora de 25 anos que trabalhava lecionando em uma escola pública da Carolina do Norte. De acordo com as informações, Erin está sendo acusada de ter mantido relações amorosas com três de seus alunos, todos eles seriam menores de idade, sendo um com 16 anos e os outros dois com 17 anos.

O caso está em investigações desde maio deste ano, quando a Departamento de Polícia recebeu denúncias de outros funcionários da escola.

Publicidade
Publicidade

Os adolescentes foram ouvidos pelos investigadores, primeiro todos eles juntos e depois cada um em uma sala.

Durante o depoimento, todos eles afirmaram ter mantido um romance com a professora e também terem mantido relações intimas com ela. Além disso, as vitimas disseram que em algumas vezes a professora saia com cada aluno em um dia, mas que, na maioria das vezes, fazia questão de sair com os três em apenas uma noite, todos juntos.

O que a policia acredita é que Erin tinha alguns fetiches por esses rapazes, tanto por eles serem seus alunos como por serem menores de idade. Quem divulgou a noticia foi o portal do jornal britânico Daily Mail. De acordo com o site, a polícia da cidade de Rocky Mount, onde fica a escola, ouvirá mais testemunhas. Entre elas, estarão outros alunos e funcionários do estabelecimento de ensino.

Publicidade

A escola hoje conta com pelo menos 1,3 mil adolescentes matriculados, sendo que pelo menos 400 deles tinham aulas com Erin McAuliffe. Segundo as informações da direção da escola, a acusada foi demitida no mês de maio, logo depois das acusações e da policia ser informada pela péssima conduta da professora com os alunos.

Na ultima quinta feira (15), Erin foi #Presa. De acordo com a imprensa local, a primeira audiência da professora será em breve. O perfil de Erin na rede social Linkedin mostra que ela se formou pela Universidade Metodista no ano de 2014 e que possui diploma de bacharel no curso de matemática.

Ela iniciou a carreira na escola Rocky Mount Preparatory no mês de agosto de 2016, depois de ter trabalhado em um escritório de advocacia como analista de dados, na cidade de San Diego. A professora também já trabalhou como voluntária no ano de 2013.

Ela viajou para o Haiti para ajudar na construção de casas para as pessoas que moravam em barracas, depois de serem atingidas por um terremoto. De acordo com seus perfis pessoais nas redes sociais, ela trabalha e mora em Rocky Mount, é solteira e possui apenas um cachorro e um gato. #RockyMount