A popularidade das mídias sociais, o acesso à Internet e os smartphones modernos possibilitam [VIDEO] que compartilhemos nossas memórias com os outros. Muitas pessoas gostam de colocar suas fotos ou transmitir o que estão fazendo no momento através de vídeos e imagens.

Uma publicação de um conteúdo #Ao vivo nas redes sociais tem chocado o mundo, contudo. Duas meninas tiveram um #Acidente de carro enquanto saiam de férias e transmitiam ao vivo no Facebook a viagem pela República Checa.

O vídeo mostra Nikol Barabasova, que está de blusa preta como passageira, fazendo uma #Transmissão ao vivo. Ela e a amiga, que ainda não teve o nome revelado, pareciam felizes.

Publicidade
Publicidade

As duas estavam numa estrada próximo de Obrnice, cantando e se divertindo quando, de repente, a amiga perde o controle do carro e acontece o acidente. O veículo bateu violentamente na barreira de proteção da estrada. Nikol acabou morrendo na hora e sua amiga foi internada em estado gravíssimo.

Em um dos trechos, Nikol brinca com a velocidade e diz: “Já estamos a 120 km/h? Que bom! Vamos dar uma corridinha agora”.

Na hora do acidente, há uma freada e as duas gritam, até a câmera cair. A gravação durou mais 20 minutos, até a chegada do socorro. Segundo informações da polícia o carro em que as duas estavam chegou a alcançar a velocidade de 170 km/h.

Relatos da mídia estrangeira contradizem em relação as informações sobre esse incidente. Alguns dizem que as meninas atingiram a barreira do som, outras que bateram em uma parada de ônibus.

Publicidade

A gravação mostra apenas o momento de impacto, e então só podemos ouvir as vozes das pessoas da cena do incidente.

Devido ao acidente, muitas questões foram levantadas. Em primeiro lugar, quem foram as pessoas que assistiram ao vídeo? Sabemos que eles não foram capazes de ajudar as vítimas. Você acha que compartilhar o vídeo online está passando a linha? No final, as pessoas acabam observando os últimos minutos da vida de alguém, provavelmente porque são curiosas.

Em segundo lugar, dirigir e gravar no celular não combinam Embora todos saibam disso, é bom sempre reforçar ao motorista.

Confira o vídeo, que contém imagens fortes: