Toda vez que um bebê chora, os pais geralmente concluem que algo pode o estar incomodando, como ter uma fralda molhada, está com fome ou com sono. Dito isto, para fazer uma #criança se acalmar, as pessoas costumavam brincar com ela, cantar canções de ninar ou alimentá-lo com leite até que adormeça.

Além disso, o bebê provavelmente não vai parar de chorar se a pessoa não atendê-lo. No entanto, nas Filipinas, um homem parece orgulhar-se quando publicou uma foto dele mostrando como ele deixa um bebê beber uma bebida alcoólica, no caso conhaque.

O álcool é um sedativo e um depressor que afeta o sistema nervoso central. Beber pode reduzir os medos e tirar a pessoa de seu estado natural.

Publicidade
Publicidade

Isso pode ajudar alguém a se sentir menos tímido, dar um impulso de humor e fazer com que se sentir relaxado.

Então, alguns adultos bebem álcool porque isso ajuda a dormir. No entanto, um usuário do Facebook publicou uma foto extremamente inapropriada de um bebê bebendo de uma garrafa de conhaque e irritou muitos internautas. Na foto, é possível ver com clareza um homem carregando o bebê de aproximadamente 1 ano.

Segundo informações, a foto rapidamente se tornou viral e logo ganhou centenas de ações de internautas que estavam furiosos com a imagem escandalosa. Na legenda da foto, o homem relata que a bebida era para fazer a criança dormir.

Alguns amaldiçoaram o homem sobre o quanto estúpido era por arruinar a inocência da criança. Outros ficaram irados com o que o homem fez. As pessoas estão dizendo que ele deveria ser denunciado às autoridades.

Publicidade

Apesar disso, não foi afirmado se o homem na foto era o pai do bebê. Não há informações se o homem foi denunciado à polícia e quais as providências tomadas.

Outro caso semelhante foi noticiado aqui na quarta-feira (12). Na ocasião, uma mãe postou uma foto da filha no Facebook com um piercing na bochecha, mas era para uma boa causa. A foto também tinha uma legenda onde a mãe relatava que a filha era dela e ela tomava todas as decisões pela filha até ela fazer 18 anos.

A mulher, identificada como Enedina Vanceé, da cidade de Fostoria, em Ohio, nos Estados Unidos. Como de se esperado, a foto se tornou viral rapidamente e a mãe recebeu até ameaça de morte.

Mas o que as pessoas não sabiam que a foto era uma montagem, onde a mãe da menina colocou um piercing na bochecha da criança. Segundo Enedina, foi a maneira que ela achou para chamar a atenção sobre a circuncisão dos bebês. Apesar das reações negativas, Enedina recebeu várias mensagens de apoio de pessoas que haviam destinado o tempo para ler seu post e entenderam sua mensagem. #Crime #Casos de polícia