Um policial e um paramédico tiveram seus rostos pulverizados por uma substância corrosiva, logo após tentarem ajudar a conter as chamas de um carro.

O veículo, de modelo Golf VW, azul, que foi roubado próximo dali, havia se envolvido em uma colisão na noite de sexta-feira. O carro caiu na barreira de metal ao lado da rodovia M11 perto de Chigwell e Loughton, em Essex. Em seguida, os ladrões pulverizaram uma espécie de produto corrosivo desconhecido nos dois homens que haviam parado para ajudar.

Após a colisão, a Polícia disse que eles roubaram um outro veículo nas imediações e tomaram rumo ignorado.

A vítima do roubo, um homem com cerca de 20 anos, informou que um dos homens segurava uma faca afiada na mão.

Publicidade
Publicidade

Equipes de ambulância se deslocaram com velocidade até lá, visto terem sido notificados que dois homens haviam se ferido gravemente. Ainda assim, só foi pior porque eles perceberam e correram para se livrar.

O #Acidente interrompeu o trânsito na região, que teve que aguardar a liberação até que tudo estivesse limpo.

A polícia informou ainda que um dos suspeitos tinha entre 25 e 30 anos de idade, possuía barba e que usava um boné de baisebol, na cor azul e também carregava consigo um saco preto e de couro.

Outro suspeito, segundo a polícia, é um homem branco, com cabelos escuros e cerca de 25 anos de idade. Já as lesões que os dois homens sofreram foram tradadas e eles levados para o hospital mais próximo.

Os policiais devem receber equipamentos de proteção com mais itens, inclusive para esse tipo de ocorrência.

Publicidade

Levantou-se o debate sobre a compra de produtos corrosivos e uma possível legislação que proíba menores de 18 anos de adquiri-los.

Colisões: um risco calculado

Em alguns casos, o choque entre veículos ocorre, em geral, com consequências gravíssimas para os envolvidos.

No Brasil, um carro caiu em um açude logo após colidir com um caminhão: dos cinco ocupantes, apenas um sobreviveu. Dentre os mortos havia uma criança.

Acidentes assim podem ocorrer a qualquer momento. Os noticiários inundam com informações sobre capotamentos.

Dirigir, mesmo em condições climáticas boas, de tempo firme, requer seus cuidados.

Muitas vezes, o imprevisto acontece, como o carro na direção oposta perder o controle. Foi o caso do humorista Tom Carvalho, que dirigia uma caminhonete quando o pior aconteceu. Seu veículo foi esmagado logo após ele perder o controle da direção. Atualmente ele está bem e faz até piada com o ocorrido. #Inglaterra #Fogo