Considerado personagem influente entre ufólogos de todo o mundo, o aclamado americano Stanley Tiger Romanek (Stan Romanek), 54 anos, cuja história envolve abdução alienígena [VIDEO], filmagens de Ets, filhos extraterrestres e #conspiração governamental, acaba de ser sentenciado no condado de Larimer, no estado do Colorado (EUA [VIDEO]).

Julgado na última terça-feira (8), sob acusação de pornografia infantil, Romanek foi considerado culpado por manter vídeos de crianças em atos sexuais no computador. Porém, a Justiça o inocentou da culpa de distribuição de pornografia infantil.

Reportado pelos jornais Coloradoan, The Denver Post e Loveland News, o caso atrai a curiosidade de milhares de “fãs” do ufólogo, cuja fama aumentou ainda mais este ano, após a gigante do entretenimento Netflix exibir um documentário, em julho, sobre a sua história – veja as manchetes.

Publicidade
Publicidade

Embora o acusado, amigos e familiares acreditem que os vídeos foram implantados pelo governo, a fim de persuadi-lo a parar de falar sobre suas experiências com seres de outros mundos, o vice-procurador Mitch Murray, responsável pelas acusações, foi pragmático ao comentar o assunto.

Ignorou teorias conspiratórias e frisou a culpabilidade do norte-americano."Não há nada mágico, nada misterioso sobre isso.

Publicidade

A evidência está toda na sua frente, completamente lá", argumentou.

A imprensa ressaltou que casos de pornografia infantil nos Estados Unidos são resolvidos através de acordos de culpabilidade. Como ele não assumiu a culpa, a próxima etapa do julgamento será em 19 de outubro.

Aliens, filhos híbridos e muito mais no documentário da Netflix

Chamado Extraordinary: The Stan Romanek Story (vale a pena assistir), o filme, que mescla depoimentos de Romanek, sua esposa e amigos, também exibe gravações onde supostos #Alienígenas e UFOs são filmados por ele.

Além disso, o documentário também registra uma hipotética conspiração governamental para tentar calar Romanek. Inclusive, há uma cena interessante, onde a câmera externa da casa capta o surgimento de uma enigmática luz que, segundos depois, destrói a câmera.

Contudo, o episódio fica ainda mais estranho no dia seguinte, quando homens aparecem na residência limpando a parede atingida pela luz.Questionados por Romanek sobre estarem mexendo na parede, dizem que o proprietário (casa alugada) mandou arrumá-la.

Publicidade

Todavia, ao ligar para o dono da residência, ele diz a Romanek não saber de nada. Esse é apenas um, dos vários trechos que certamente irão mexer com a curiosidade do telespectador.

Também tem a parte dos filhos alienígenas, onde sua alegada filha de outro planeta, Kioma, comparece em uma de suas palestras. Ele ainda conseguiu fotografá-l; confira abaixo.

Esse é o tipo de história digna de pertencer ao extinto programa Acredite, se quiser. #EUA