Você já deve ter ouvido falar do desafio da Baleia Azul, que ganhou fama este ano e levou alguns jovens à morte. Para quem não conhece, o jogo é composto de 50 desafios, cujo resultado final deve ser alguma atividade mortal realizada pelo participante.

Já foram presos alguns jovens acusados de serem ‘’curadores’’ do jogo, que ditavam as atividades para cada pessoa que participasse do #desafio. Em algumas cidades foram encontrados corpos de jovens com presença de ferimentos semelhantes aos provocados pelo jogo. A #Polícia acredita que as mortes foram frutos do jogo e os casos continuam sendo investigados.

Outra brincadeira mortal que começou a fazer a cabeça dos jovens é Desafio da Água Quente [VIDEO], que consiste em fazer a ingestão de água fervente por um canudo ou jogá-la em outra pessoa.

Publicidade
Publicidade

De acordo com a brincadeira, o participante deve fazer uma gravação em vídeo do ato e depois postá-la na internet para provar que conseguiu.

Segundo a revista Times, o jogo já provocou pelo menos uma vítima fatal. Ki'ari Pope, uma garotinha de apenas 8 anos, foi provocada a realizar o desafio por seu primo. Ela aceitou e ingeriu água fervendo através de um canudo. O caso aconteceu em janeiro deste ano e a menina sofreu queimaduras internas graves, que provocaram problemas de respiração e levaram a sua morte em julho.

Até o momento, só há registros da brincadeira nos Estados Unidos, mas é possível que chegue rapidamente ao Brasil por meio das redes sociais. A polícia não conhece a origem do jogo e não conseguiu encontrar quem está por trás da brincadeira, mas acredita que tudo começa a partir de vídeos de estimulação postados no YouTube.

Publicidade

O #Baleia Azul também tem a sua origem desconhecida, suspeita-se que foi na Rússia, e culminou em diversos suicídios pelo mundo.

Além de Ki'ari Pope, há relatos de mais duas crianças que podem ter sido influenciadas pelo desafio. Uma criança de 11 anos que foi queimada com água fervente por seus amigos enquanto dormia, tendo como resultado ferimentos graves. Além disso, um garoto de 10 anos teve lesões internas depois de tomar água quente enquanto brincava com seu irmão.

Uma parente de Ki'ari Pope foi à televisão e fez um apelo para os pais. Ela pediu para que vigiem seus filhos e não os deixem sozinhos com o telefone. Além disso, pediu para que os avisasse sobre a brincadeira a fim de que não sejam pegos de surpresa e cometam algo contra a própria vida. Os casos estão sendo investigados pela polícia dos Estados Unidos com o objetivo de encontrar os culpados.