Publicidade
Publicidade

Portugal acordou essa manhã com a notícia chocante de um violento acidente de viação que provocou a morte de uma emigrante #Portuguesa. O trágico acontecimento ocorreu em Espanha, na zona de Burgos, quando uma mulher entrou em contramão em uma autoestrada. Dois automóveis chocaram violentamente provocando uma morte e vários feridos.

Uma emigrante portuguesa seguia no carro com três amigas na autoestrada A1. Elas estavam passando na região de Burgos, quando à sua frente apareceu um Opel Astra nam contramão. A mulher que ia dirigindo ainda tentou evitar o choque, mas o embate foi inevitável. A portuguesa que ia ao lado da condutora teve morte imediata.

Publicidade

Logo atrás do carro, um Citroen C4, onde seguiam as quatro amigas, seguia um Audi A6, com uma família portuguesa que viajava para casa, na França, depois de ter passado as férias em Portugal. Esse carro também não conseguiu evitar o choque e acabou por bater, com menos violência, nos outros dois automóveis. Todos os ocupantes do Audi ficaram feridos, entre eles uma bebê com apenas 14 meses e o irmão com 3 anos.

Entretanto, as autoridades espanholas abriram uma investigação e estão tentando perceber qual a razão para a responsável do acidente ter entrado na autoestrada na contramão. Ao que se sabe, a condutora, que também ficou gravemente ferida, foi analisada, mas não acusou álcool ou drogas.

Entretanto, devido ao número de vítimas, 1 morta e 8 feridos, as autoridades espanholas fecharam a autoestrada para que fosse feita a sua limpeza, mas também para realizarem uma investigação detalhada do acidente.

Publicidade

Quanto às vítimas, as três mulheres espanholas que seguiam no #Automóvel com a portuguesa estão hospitalizadas em estado grave. As duas crianças e os pais que seguiam no Audi A6, felizmente encontram-se bem e já saíram do hospital.

Esse é mais um trágico acidente de automóvel que acontece numa época do ano em que muitos emigrantes portugueses fazem viagens enormes para passar o verão junto das suas famílias em Portugal. Naquele país europeu esses trágicos acontecimentos têm muita atenção da parte da opinião pública e há mesmo campanhas publicitárias apelando aos emigrantes para fazerem as suas viagens com segurança. Os emigrantes são aconselhados a não consumirem bebidas alcoólicas nem a fazerem refeições pesadas durante as suas viagens, mas são também alertados para a importância de fazerem pausas regulares, não devendo dirigir durante mais de duas horas consecutivas. #Emigração