Publicidade
Publicidade

Nos últimos dias, os meteorologistas do NHC, sigla em inglês de Centro Nacional de Furacões, nos Estados Unidos, alertaram vários [VIDEO]estados americanos sobre a chegada de um #furacão que seria o mais terrível dos últimos anos, trazendo destruição a várias regiões do país e ‘’inundações catastróficas’’. O ciclone Harvey, como vem sendo chamado, chamou a atenção de todo o mundo e nestas últimas horas vem recebendo cobertura #Ao vivo.

Enquanto estava na categoria 2, apesar dos ventos acima de 175 km/h, não chegou a assustar tanto, mas à medida que ele foi subindo de categoria, deixou milhares de pessoas em pânico.

Quando os ventos ficam entre 153 e 176 km/h o furacão fica na categoria 2.

Publicidade

Se os ventos ficarem entre 177 e 208 km/h, então, é categoria 3. Na categoria 4, os ventos ficam entre 209 e 250 km/h. Se acontecer da velocidade do vento ficar superior a 251 km/h, a categoria é 5.

Felizmente, o furacão Harvey perdeu um pouco de sua velocidade quando chegou ao Texas. Mesmo assim, os estragos foram muitos, pois nos locais por onde passou encontram-se cerca de 30% das reservas de petróleo dos #Estados Unidos e mais de 35% das reservas de gás. Agora as refinarias terão que avaliar se os tanques de óleo em Houston foram danificados, pois, além do prejuízo financeiro, pode ocorrer uma catástrofe ambiental como nunca se viu antes na história do país norte-americano.

Quando o Harvey chegou ao Texas, seus fortes ventos indicavam que ele estava na categoria 4, mas depois caiu para a 2, de acordo com o Centro Nacional de Furacões, nos Estados Unidos.

Publicidade

Na manhã deste sábado (26), os ventos perderam um pouco a força, mesmo assim, a velocidade era de 176 km/h, causando grandes inundações. Os americanos se prepararam para as fortes tempestades. As autoridades estão atentas e as equipes de resgate ficaram de prontidão. Ondas altíssimas, resultantes dos ventos do furacão Harvey, atingiram a costa do Texas e também de Louisiana. Durante todo o final de semana, será preciso levantar os prejuízos causados e traçar um projeto de recuperação [VIDEO].

No Texas, já são mais de 200 mil pessoas sem energia elétrica e não há previsão de quando o problema será resolvido. A Ercot Electric System, que atende 24 milhões de consumidores no estado, está aguardando os ventos ficarem mais fracos para autorizar as equipes a fazerem os devidos reparos.

Os vídeos abaixo captaram imagens ao vivo do furacão Harvey, confira:

No Twitter, muitos vídeos também mostram quase que ao vivo a destruição que o Harvey vem causando: