Um homem foi atacado por um urso após ter provocado o #animal com comida. O fato foi registrado em um templo localizado na província rural de Phetchabun, na Tailândia. A vítima foi identificada como Naiphum Promratee, de 36 anos. De acordo com imprensa local, o homem pendurou tigelas de arroz no recinto do animal usando corda enquanto visitava o templo, e, em determinado [VIDEO] momento, o homem irritou o urso que estava de pé nas patas traseiras e o arrastou para o recinto, deixando-o inconsciente antes de arrancar a carne com os dentes.

As filmagens horríveis mostraram que dois homens tentam afastar o animal batendo no mesmo com um pedaço de pau, enquanto o urso atacava a vítima.

Publicidade
Publicidade

Seus amigos bateram no urso com bastões e jogaram água fria, sem sucesso. O urso continuou a morder e arranhar Promratee por quase um minuto antes de começar a arrastá-lo através do recinto empoeirado. Mas um do grupo correu para o recinto e golpeou [VIDEO] o urso em sua gaiola com um poste, enquanto amigos resgatavam a vítima. Segundo informações, um dia antes do incidente, o chefe do local relatou que, alguns dos animais estavam com fome, porque não receberam comida suficiente.

Veja o vídeo do incidente

Logo o socorro foi acionado e compareceu ao local na manhã desta quarta-feira (02). A vítima foi encaminhada para uma unidade médica da cidade. O estado de saúde da vítima não foi divulgado pela direção do hospital. "Recebemos um relatório hoje de um #Ataque de urso às 11h10. O urso estava entre outras criaturas criadas por monges no templo.

Publicidade

O homem tinha ido ao templo com quatro ou cinco amigos e ele estava brincando com o urso. Ele o puxou para dentro e atacou-o. Chegamos e encontramos o homem gravemente ferido [VIDEO]. Ele estava com seus amigos e queria alimentar os animais. Ele teve a sorte de sobreviver e ele está no hospital agora e capaz de conversar", disse um dos socorristas identificado como Bpae Permpoonsap, de 60 anos. O templo apelou para doações de membros do público para alimentar o animal. "Se você provocar um urso com fome, é provável que você fique ferido".

"Os ursos são predadores poderosos que, na natureza, passam a maior parte do tempo buscando e explorando intervalos domésticos e podem andar milhares de quilômetros. Enquanto esse homem fugiu com sua vida, os ursos ao redor do mundo continuarão a viver e morrerão na miséria, enquanto humanos ainda encarcerarem animais em nome do entretenimento", disse o porta-voz do People for the Ethical Treatment of Animals (PETA).