Uma mulher foi presa pela #Polícia, no último domingo (13), acusada de estupro de vulnerável contra duas crianças, na cidade de New River, no Arizona, nos Estados Unidos. A acusada de ter cometido o crime foi identificada como Keri Harwood, de 28 anos. Segundo as autoridades locais, ela é suspeita de ter abusado dos próprios filhos, um de 3 e outro de 6 anos, várias vezes [VIDEO], inclusive no banheiro da casa, enquanto o marido estava no trabalho.

O mais surpreendente de tudo é que a mulher tirava fotos e gravava vídeos dos abusos e vendia online. Segundo informações da polícia, a acusada disse em seu depoimento que estava molestando as crianças a pedido de um homem que ela tinha conhecido na internet.

Publicidade
Publicidade

De acordo com Keri, o homem a pagou para lhe enviar os vídeos dos abusos via #Snapchat. Conforme informações do portal de notícias Daily News, uma testemunha informou ter visto evidências de pagamentos, via PayPal, à mulher nos valores de US$ 115, US$ 101 e US$ 50 (de R$ 159 a R$ 365), que se acredita serem os pagamentos dos vídeos [VIDEO].

A imprensa local informa que a mulher trabalhava em uma concessionária de automóveis de Phoenix. Keri disse que conheceu o homem online quando estava passando por um problema financeiro. Segundo ela, inicialmente, o homem a pagou para se masturbar, via Snapchat, para ele.

Com o passar do tempo, ele, então, a convenceu a realizar atos sexuais em crianças e enviá-las para ele. Keri disse à polícia que enviou ao homem cinco ou seis vídeos de seus atos sexuais com os dois filhos.

Publicidade

Os crimes dela foram descobertos por um homem que é amigo da suspeita, quando ela lhe deu seus dados de registro para sua conta no jogo Pokemon Go para que pudesse ajudá-la.

Usando esses dados, seu amigo acessou o e-mail da mulher e descobriu dois vídeos da acusada molestando seus filhos em sua conta. No e-mail, o amigo também detectou as transações do PayPal. Keri parece ter recebido de US$ 500 a US$ 600 (R$ 1,6 mil a R$ 1,9 mil) no total nos últimos meses por seus vídeos de masturbação e abuso infantil. [VIDEO]

Após a descoberta, o amigo da mulher acionou a polícia relatando o caso. A jovem foi presa em sua residência. Em seguida, foi levada para uma delegacia da cidade.

A suspeita enfrenta dez acusações de exploração sexual de menor e cinco acusações de abuso sexual de criança. A polícia também diz que a suspeita molestou as crianças pelo menos em cinco ocasiões. De acordo com a polícia, a mulher pode responder pelo crime em liberdade desde que pague uma fiança de US$ 150 mil (cerca de R$ 476 mil). #filho