Um dos crimes [VIDEO] mais nojentos e tristes é o de #Pedofilia. Em todo o mundo, a pratica desse crime é repugnada por se tratar de um crime hediondo. A cada dia os crimes de #Abusos sexuais contra crianças e adolescentes só vêm aumentando e, com isso, a raiva da população contra aqueles que praticam a pedofilia cresce continuamente.

Mais um caso aconteceu no Reino Unido, na semana passada, só que dessa vez o #criminoso acabou sendo surpreendido. Um pedófilo caiu de joelhos e orou pedindo misericórdia, depois que ele foi pego tentando encontrar uma menina menor de idade para manter relações sexuais.

Saiel Bashar viajou de Londres a Birmingham para abusar da garota "na cama da mãe", em sua própria casa.

Publicidade
Publicidade

No entanto, o estudante de ciência da computação foi recebido por membros dos "caçadores de pedófilos", fora da estação ferroviária de Sutton Coldfield.

Então eles mostraram todas as mensagens explícitas e de pornografia que o acusado tinha escrito para a criança, durante uma semana antes de conseguir marcar para ir à casa dela para "tirar a virgindade" da menor. Foi aí que, quando ele descobriu que, na verdade, havia marcado um encontro com os caçadores. O pedófilo rezou por perdão e chorou histericamente, enquanto vigilantes leram passagens de 300 mensagens que estavam no bate-papo, enquanto esperavam pela a polícia.

Pelo que foi visto nas mensagens, ele se ofereceu para comprar um telefone celular para a vítima, e entregaria o aparelho nos elevadores da escola da menina, em troca de favores sexuais.

Publicidade

Mas, depois de ser flagrado, ele revelou seu real plano, que era comprar preservativos e toalhetes para bebês e, em seguida, levar a garota para casa e molestá-la, enquanto sua "mãe" estava trabalhando, no turno da noite. Bashar - que afirmou ser um estudante internacional do Afeganistão - disse que cometeu um "erro" e negou ter qualquer interesse sexual em crianças.

Mas, depois de sua prisão, ele se declarou culpado e confessou que tentou encontrar a menor para praticar sexo, após troca de mensagens pelo celular. O vídeo do flagrante foi colocado no Facebook na noite de sexta-feira (11). As imagens mostram o suspeito pressionando as palmas das mãos em oração, implorando aos vigilantes: "Não ligue para a polícia". Veja no vídeo abaixo.

Uma porta-voz da Polícia de West Midlands confirmou que Bashar está sendo mantido em prisão preventiva, aguardando sentença no próximo mês. "Saiel Bashar, de 23 anos, de Stanmore, Londres, foi preso em 11 de agosto em Sutton Coldfield. Ele foi flagrado tentando marcar um encontro com uma criança com menos de 16 anos, com a intenção de abusar sexualmente da criança", divulgou a porta voz.

Bashar declarou-se culpado no Tribunal da Coroa de Birmingham na segunda-feira (14), e foi detido sob custódia. Ele deve ser condenado em 11 de setembro.