Publicidade
Publicidade

Amanda Nasser é uma professora americana que foi acusada de ter feito sexo com um aluno de apenas 15 anos de idade. O fato aconteceu nos Estados Unidos e o caso chocou os moradores de Louisa, no estado de Virgínia. Portanto, se ela for condenada por esse crime, ela pode pegar 230 anos de prisão, ou seja, a moça vai passar o resto da vida atrás das grades.

Segundo as autoridades, Amanda teria mantido relações com o jovem na traseira de um furgão, onde ela colocava um colchão. No local, os dois tiveram os prazeres da carne e a professora abusou do estudante.

Abuso sexual de menor, abuso sexual infantil ou abuso sexual de crianças é uma forma de crime em que um adulto ou adolescente mais velho usa uma criança para estimulação sexual.

Publicidade

A pedofilia é crime em quase todos os países do mundo. Em países como os Estados Unidos o sujeito pode passar o resto da vida na cadeia, sem direito de recorrer. Por lá, manter relações sexuais com menores de idade é crime, mesmo que seja consentido.

Professora gata mandava fotos dela e de seu aluno nus

O relacionamento dos dois aconteceram em um período curto de oito dias, segundo as autoridades do local. As provas que comprovam o crime são as mensagens que eles trocaram pelo celular e também as fotos de nudes dos dois.

Amanda e o estudante também marcavam diversos encontros. De acordo com Rusty McGuire, que é o promotor responsável pelo caso, depois de muito tempo trocando mensagens com o seu aluno, Amanda quis se aproximar da mãe do rapaz de 15 anos para poder ficar com o jovem em outros locais fora da escola.

Publicidade

Segundo o mesmo promotor, Amanda Nasser é uma mulher muito perigosa, que foi capaz de tirar proveito de uma criança.

Ela dava aula em uma escola especial para os alunos do Ensino Médio e um deles teve caso com a professora. Ainda não se sabe se ela já fez isso com outros estudantes, mas o promotor promete investigar todos os detalhes do caso.

Professora admite que fez sexo com o aluno em quatro ocasiões

Quando a bomba estourou, Amanda negou tudo e disse que não fazia sexo com o aluno de 15 anos. Mas depois ela confessou o crime e revelou que fez sexo com o adolescente quatro vezes, também admitiu ter solicitado encontros com o jovem.

Nasser é mãe de três crianças e foi presa pela polícia americana em 2016 e existem 18 acusações contra ela. O resultado final do julgamento sai daqui dois meses, 2 de outubro, e a pena mínima para esse tipo de crime é de sete anos.

O promotor ressaltou que em sua cidade a pena é severa para este tipo de crime e quem fizer isso lá poderá sofrer graves consequências. #investigação #foto #Criminal