Publicidade
Publicidade

Yuriy Golovin, aos 30 anos, acabou sendo preso por um crime bizarro. Ele acabou sendo detido na cidade de Kurga, que fica na Região Central da Rússia. O motivo dele ir para a cadeia? [VIDEO] Yuriy queria desenterrar a ex-namorada, morta por depressão. Além de ser pego dentro da cova, o russo [VIDEO]estava à procura de algo para botar fogo no que sobrou dos restos mortais da companheira. A dita cuja é Olga Gileva, que faleceu há cinco anos, no ano de 2012, quando tinha 17 anos de idade.

Russo desenterra a namorada após dizer que está sendo assombrado por ela

A situação foi vista como algo chocante no vilarejo de Menchikovo, que fica dois mil quilômetros de distância da capital russa, a cidade de Moscou.

Publicidade

O local é calmo, mas viu no desespero do homem uma forma de quase filme de terror da vida real. O russo deu um depoimento à polícia e falou sobre tudo o que ocorreu. De acordo com ele, Olga Gileva estava aparecendo em seus pensamentos. Ele argumenta que ela o assombrava e que a garota aparecia todas as noites. Acredita-se que a morte da garota tenha mexido com a mente do homem.

Homem desenterra o amor de sua vida para se livrar de suposta maldição

O caso acabou ganhando divulgação aqui no Brasil graças à coluna 'Hora 7', do portal de notícias R7. Para o russo, desenterrando e queimando o que sobrou da jovem, ele viveria livre da suposta maldição. Assim, o pobre homem tinha a crença que a mulher não apareceria mais em seus sonhos.

Russo estava bêbado quando tentou tirar caixão da cova e dormir sobre o que sobrou do corpo da namorada

Yuriy Golovin realmente não estava psicologicamente bem.

Publicidade

Ele bebeu muito antes de tomar a atitude e chegou à conclusão que violar o túmulo era mais difícil do que parecia inicialmente. No meio do caminho, o russo, que queria ficar longe do fantasma da mulher, acabou dormindo em cima dos restos mortais dela. Isso, é claro, acabou facilitando com que os policiais o prendessem.

Apesar de queimar caixão, ele fica inteiro e resultado da cena é assustador

O homem decidiu queimar o caixão, mas mesmo colocando fogo nele, o objeto fúnebre permaneceu inteiro após o ocorrido. A polícia então viu ele ali deitado. O homem não ofereceu resistência a tudo o que ocorreu e ficou mais confortável de ir parar na penitenciária. Ainda assim, o gesto dele repercutiu em todo o planeta.

E você, o que acha da atitude do russo? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante e ajuda no diálogo de temas relevantes. #Macabro #Desenterro