De acordo com reportagens divulgadas pelos sites britânicos BBC e STV, um casal de idosos da Escócia foi multado em um total de quatro mil e cem libras esterlinas (aproximadamente R$ 16.675) pela justiça daquele país por ter forçado – literalmente – hóspedes e trabalhadores de um hotel a fugirem do estabelecimento, e o motivo é um tanto bizarro [VIDEO]: Robert Fergus, de 72 anos de idade, e sua esposa Ruth (69), estavam "tocando o terror" no local, agindo de tal forma que o comportamento da dupla foi classificado como "fora de controle" durante o incidente.

O caso aconteceu no dia quatro de fevereiro deste ano, no hotel MacDonald Loch Rannoch, situado no condado de Perthshire, Escócia, mas o veredito condenando o casal só saiu nesta quinta-feira (31).

Publicidade
Publicidade

Na data em que a confusão [VIDEO] ocorreu, por volta da 01h45min, um dos hóspedes – Scott Glen – foi acordado por alguém batendo em sua porta, e quando ele foi verificar, encontrou Ruth Fergus no corredor.

A idosa estava visivelmente embriagada, gritando e usando linguagem ofensiva, além de se mostrar confusa. Glen decidiu ir até a recepção do hotel para informar sobre o fato, e neste instante, Robert – no alto de seus 72 anos, e também bêbado – surgiu completamente nu no recinto, e portando apenas uma tesoura, começou a ameaçar os hóspedes e os trabalhadores que se encontravam no lobby, afirmando que iria cortá-los e matá-los.

Destruição de patrimônio e fuga

Além das ameaças, Robert Fergus se apoderou de uma placa do restaurante do hotel, foi até um painel de vidro e o destruiu. Depois, usando a tesoura, cortou vários cabos do sistema de computação central pertencente ao estabelecimento.

Publicidade

Tanto os funcionários quanto os hóspedes ficaram tão assustados com os idosos – Ruth chegou até a dizer a Julia Titkova, uma das empregadas, que iria arrumar uma arma para atirar nela – que fugiram a pé do local, correndo por mais de três quilômetros até à vila Kinloch Rannoch.

Após o alvoroço, Robert e Ruth abandonaram o hotel em uma BMW, mas quase duas horas após o início do incidente, foram parados pela polícia em uma estrada. O senhor idoso, que estava dirigindo, possuía um teor alcoólico no sangue duas vezes acima do limite permitido, e a dupla acabou tendo que passar uma noite na cadeia.

Em função de tudo o que aconteceu, Robert foi proibido de dirigir por um ano e condenado a pagar uma multa de £ 2.750, além de ter que ressarcir o hotel em mais £ 800 pelos danos causados. Ruth, por sua vez, foi sentenciada a pagar o montante de £ 1.350 por ter ameaçado e amedrontado hóspedes e funcionários do MacDonald Loch Rannoch com violência. #Bizarro #Europa