Um incêndio se espalhou em um internato, matando pelo menos 23 estudantes e dois adultos no início da manhã dessa quinta-feira (13), em Kuala Lumpur, na Malásia. De acordo com os bombeiros, este foi o pior desastre do gênero que atinge o país em duas décadas. Eles responderam rapidamente ao chamado de incêndio em uma escola de três andares perto de Jalan Datuk Keramat. Porém, quando os bombeiros chegaram ao local, quase 90% do edifício estava em chamas. Segundo a imprensa local, a maioria das vítimas [VIDEO] tinha idade entre 13 e 17 anos.

"Os bombeiros podiam ouvir gritos de ajuda dentro do prédio. O primeiro grupo de bombeiros conseguiu salvar cinco das crianças do nível mais baixo", disse o porta-voz da corporação, Soiman Jahid.

Publicidade
Publicidade

Os oficiais dizem que os corpos estavam empilhados uns sobre os outros, um após o outro.

Acredita-se que as vítimas tenham ficado presas no dormitório, já que as janelas tinha grades metálicas. Um total de nove carros do Corpo de Bombeiros chegou à cena para apagar o incêndio [VIDEO] no internato de Darul Quran Ittifaqiyah, ao lado do Rio Klang. As vítimas adolescentes socorridas foram enviadas pelo hospital de Kuala Lumpur. Sete pessoas sofreram lesões relacionadas ao fogo, enquanto 11 que foram resgatadas sem ferimentos graves.

Como o fogo começou

O incêndio começou por volta das 5h15 da manhã, hora local, no internato islâmico. Dentro de 1 hora, o fogo já havia sido controlado. "Com base em nossa informação no momento, 25 estudantes e professores morreram no fogo. Nosso pessoal ainda está em cena.

Publicidade

Realmente não faz sentido que tantos morram no fogo. Eu acho que é um dos piores desastres envolvendo incêndio do país nos últimos 20 anos. Estamos agora investigando a causa do fogo", disse Soiman Jahid.

Veja o vídeo do incêndio logo abaixo:

Loga Bala Mohan, vice-ministra dos Territórios Federais, disse: "Simpatizamos com as famílias. É um dos piores incêndios envolvendo tantas vidas. Nós desejamos urgentemente que as autoridades avaliem rapidamente a causa do incêndio para que possamos prevenir futuras catástrofes". Um total de 211 incêndios ocorreram na Malásia desde 2015.

O pior incêndio na história da Malásia aconteceu em 1989 em Kedah, quando 27 estudantes [VIDEO]em uma escola de meninas morreram depois que um incêndio se espalhou para oito albergues de madeira próximos. As causas do novo incêndio estão sendo investigadas pelas autoridades locais. Qual a sua opinião sobre esse incidente? Compartilhe seus pensamentos na seção de comentários abaixo. #Malasia #Polícia