Imagine que você precisa ir ao banheiro no conforto de sua própria casa [VIDEO], e quando levanta a tampa do vaso sanitário, simplesmente "dá de cara" com uma cobra de quase um metro ali dentro. Foi exatamente isso, de acordo com a rede BBC, o que aconteceu a um garotinho de apenas cinco anos na Inglaterra.

O bizarro incidente ocorreu na última quarta-feira (30) com o filho da britânica Laura Cowell, que vive na cidade de Southend (Condado de Essex). Naquela data, a criança correu assustada até sua mãe após ir ao banheiro da residência da família, e o modo de se comportar do menino rapidamente chamou a atenção de Cowell, pois, segundo ela, o garoto estava "frenético e tremendo" – aquilo, claramente, indicava que algo estava errado.

Publicidade
Publicidade

A mulher inglesa foi até o toalete para checar o que havia acontecido, e como a tampa da privada havia sido novamente abaixada pelo menino, ela utilizou um cabo de vassoura para levantar o objeto. Mas, para sua surpresa, no momento em que fez isso, Cowell pôde ver uma cabeça e uma língua de réptil se projetando do vaso sanitário.

Levando a intrusa embora

Prontamente, Laura Cowell começou a telefonar para socorristas em potencial que pudessem resgatar o bicho, e após várias tentativas infrutíferas, conseguiu entrar em contato com Rob Yeldham, que é o dono de uma loja de animais de estimação conhecida como Scales and Fangs, especializada na venda de suprimentos para criadores de répteis.

Acompanhado pelo seu funcionário Ethan Pinion, Yeldham se dirigiu até a casa, e cobra foi identificada como sendo um "bebê inofensivo" da espécie africana píton real (não venenosa) – e como era um filhote, media "apenas" 91 centímetros.

Publicidade

Pinion revelou à BBC que o réptil estava cheirando a água sanitária, e que provavelmente chegou até a privada subindo por dentro do cano de descarga.

Aquela informação acabou solucionando um "enigma" que intrigava Cowell, pois alguns dias antes do incidente ela havia notado que a água do vaso sanitário não estava escoando bem, como se alguma coisa estivesse impedindo a drenagem correta.

Outro mistério – o de onde a cobra veio originalmente – também pode ter sido resolvido por Yeldham. Segundo ele, vizinhos de Cowell se mudaram recentemente e abandonaram alguns vivários (recipientes semelhantes a aquários, mas que são usados para abrigar plantas e animais). Assim, o réptil deve ter escapado e entrado na privada da residência vazia, e como os encanamentos de esgoto locais são interligados, o bicho acabou indo parar em uma casa próxima.

Atualmente, a cobra está recebendo cuidados na loja de Yeldham – ele afirmou que em 10 anos resgatando animais do tipo, esta é a primeira vez que faz uma captura dentro de um banheiro –, e assim que estiver 100% saudável, ela será remanejada para um novo lar. #Bizarro #Europa