Kim Jong-Un é um dos maiores nomes do planeta. Ditador da Coreia do Norte, ele voltou a ser notícia neste domingo (3) [VIDEO], quando lançou um teste com a chamada bomba H, que é uma bomba de hidrogênio. O lançamento da bomba, que ocorreu em território coreano, causou tremores de 6,3 graus na escala Richter e foi alvo de críticas de todo o mundo.

Os Estados Unidos, por exemplo, já anunciaram que vão fazer sanções ao país do ditador. O que ninguém sabe é que o coreano tem um segredo íntimo daqueles. Apesar de detonar os americanos, #Kim Jong Un tem um "amigão" de lá e o tamanho dele impressiona.

Conheça o americano amigão de Kim Jong-Un: o ex-jogador que adora maquiagem

Muita gente acha que por conta dos seus comentários, o chefe da #Coreia do Norte odeia todos os americanos, mas isso é uma mentira.

Publicidade
Publicidade

Pelo menos um deles tem lugar especial no coração desse político.

Nascido em 1984, Kim acompanhou muito dos Estados Unidos, mesmo em um país fechado. Aos 12 anos, por exemplo, ele teria visto os títulos do time de basquete Chicago Bulls. Isso porque o ditador acabou virando um grande amigo de Dennis Rodman, que já disputou diversos títulos e atuou até ao lado de Michael Jordan.

Kim é amigo íntimo de Dennis Rodman, que já até se vestiu de noiva

Não se sabe ao certo quando [ou onde] foi o primeiro encontro dos dois, mas Kim Jong-Un, que assumiu o poder em 2011, realizou o sonho de conhecer o ídolo e se tornaram "chapas". O ex-jogador americano, mesmo sabendo de toda a polêmica que existe para entrar na Coreia do Norte, já foi ao país algumas vezes.

Em 2013, por exemplo, o astro do basquete ficou cinco dias no país e o evento foi tido como festa de estado.

Publicidade

A última vez que Dennis Rodman viajou para o país foi em julho deste ano, quando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, já ameaçava acabar com a festa do ditador.

Estrela do basquete americano vira amigão de ditador da Coreia do Norte e recebe críticas

A estrela do basquete sempre gostou das polêmicas. Ele já foi taxado de gay, por adorar maquiagens e até mesmo fazer desfiles vestido de noiva.

Com um visual excêntrico, o homem negro e de mais de 2,10 metros de altura, acabou chamando a atenção do ditador do chamado país mais fechado do mundo.

A estranha amizade do ditador da Coreia com um ex-jogador dos Estados Unidos

Ele não liga para as críticas de ser chamado de homossexual, tampouco por ser amigo de Kim. Os dois dão verdadeiros parceiros e não devem acabar a amizade após tanto falatório.