Publicidade
Publicidade

Funcionários do Centro Médico Darmouth-Hitchoock, em Lebanon, no estado de New Hampshire, nos Estados Unidos, ficaram assustados com um crime ocorrido dentro da UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Um homem de 49 anos de idade, identificado como Travis Frink, invadiu o local do Centro Médico e assassinou a própria mãe.

Pamela Ferriere tinha 70 anos e foi assassinada com vários tiros. Travis tentou fugir logo após ter cometido o assassinato tão bárbaro, mas ele não conseguiu fugir e foi preso pelos policiais.

O procurador-geral Gordon MacDonald, em entrevista ao canal de TV NBC, informou que, de acordo com as investigações, aparentemente a intenção de Travis era realmente ir ao hospital e cometer o crime contra a própria mãe.

Publicidade

De acordo com ele, o criminoso disparou mais de um tiro, entretanto, nenhuma outra pessoa se feriu.

Pânico na UTI

Os pacientes e trabalhadores do hospital [VIDEO]entraram em pânico quando escutaram os tiros. Ao escutar os disparos, eles sabiam que algo de errado estava acontecendo. Foram momentos de grande terror para todos que estavam lá. A UTI teve que ser evacuada após esse grave incidente.

Joanne Conroy, presidente do hospital, muito consternado, comentou sobre o fato ocorrido. Em um comunicado, ele disse para que o dia foi realmente estressante e triste para todos os pacientes e funcionários por causa de tudo que aconteceu. Ele também mostrou comoção com os familiares da vítima e acredita que, para essa família, tudo foi realmente entristecedor.

Durante o comunicado que fez em uma entrevista que ele concedeu a uma TV [VIDEO] local, Conroy disse que, se existe algo que possa ser tirado de positivo em meio a essa tragédia, é o fato de que mais nenhuma pessoa se feriu.

Publicidade

Motivação do crime

Travis foi detido no momento em que tentou fugir do local. Quem impediu a fuga do assassino foram os seguranças do hospital. Em seguida, os policiais chegaram e encaminharam o acusado para a delegacia.

De acordo com as informações, ainda não foi descoberto o real motivo para que ele tivesse assassinado a própria mãe. O homem está preso e deverá ser acusado pelo crime de homicídio.

Os investigadores continuam fazendo o trabalho de praxe para que, dessa forma, possam conseguir elucidar o crime e descobrir qual é a real motivação para que Travis tirasse a vida de sua própria mãe. Os moradores de Lebanon estão transtornados com tamanha violência. Muitas pessoas usaram as redes sociais e pediram por uma cidade mais segura.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e sempre ajuda no debate de temas com relevância para a nossa sociedade. #matricídio #Polícia