O fundo do mar ainda é um ambiente misterioso. Apesar dos avanços tecnológicos terem levado o homem à Lua, ou enviado sondas e satélites a outros planetas (Marte, Vênus, Saturno, etc), ainda somos surpreendidos pelos enigmas da Terra, escondidos nas profundezas oceânicas.

Um exemplo recente dos esquisitos animais que vivem submersos nas entranhas do mar foi observado por pescadores russos em 9 de setembro.

Na ocasião, ao navegarem pelas ilhas Curilas (ou Kuril), eles foram surpreendidos ao capturarem um #Peixe monstruoso [VIDEO]. O arquipélago vulcânico formado por 56 ilhas se estende a partir do extremo oriente da Rússia, no Pacífico, até a ilha japonesa de Hokkaido - onde o míssil norte-coreano sobrevoou na quinta-feira (14).

Publicidade
Publicidade

De acordo com o jornal local Sakhalin, a enorme besta marinha, semelhante a um monstrengo de filmes de ficção lado B, do tipo Sharknado (2013), pesa mais de uma tonelada. Exatamente 1.100 quilos.

Provavelmente, se não houvesse fotos da criatura e o artigo não fosse reproduzido por outros veículos de renome, como o grupo midiático RT, o caso seria tratado como “história de pescador” – confira as manchetes.

Apesar das inusitadas características do animal, ele é chamado de ‘peixe-lua’, e seu nome científico é Mola mola.

Publicidade

Conforme a imprensa, a presença do bicho naquela região é incomum. “É bastante raro encontrar esta espécie gigante perto das ilhas Kuril, no Extremo Oriente russo”, informa o RT.

Embora a aparência do #Bizarro peixe, de olhos esbugalhados e pele áspera, gere sentimento de repulsa, ele é considerado um alimento requintado em países como Japão, Coreia e Taiwan.

A singular imagem do ‘peixe-lua’ não passou despercebida pelos funcionários do museu local. Ao tomarem conhecimento da incomum pescaria, eles procuraram os profissionais com objetivo de obter o bicho para exibi-lo ao público.

No entanto, o fato dos pescadores o terem armazenado em condições inapropriadas durante dois dias, antes de chegarem em terra firme, fez o corpo do animal entrar em estado de putrefação em decorrência das altas temperaturas - ainda é verão na Rússia.

Publicidade

Porém, “na natureza nada se perde, tudo se transforma”. Nesse caso, a carne apodrecida do Mola mola virou alimento. Pescadores jogaram pedaços do bicho aos ursos selvagens da região.

O peixe-lua é o maior e mais pesado peixe ósseo do mundo. Ele pode alcançar até 6 metros de comprimento. Pesquisadores acreditam que ele esteja em risco de extinção. #Estranho