Normalmente, nas férias, as crianças e até mesmo os adultos têm a mania de fazer tatuagens de henna sobre a pele. Mas o que poucos sabem são os riscos que uma simples tattoo de henna pode causar. Recentemente, a pequena Madison Gulliver, de 7 anos e que mora na Inglaterra, teve graves queimaduras no local onde fez uma tatuagem.

A menina, junto com sua família, estava passando férias em um #Hotel cinco estrelas no Egito. Eles estavam na cidade turística de Hurghada, às margem do Mar Vermelho. No centro do hotel, havia um salão onde ofereciam para os hóspedes as tatuagens temporárias. Pensando ser algo inofensivo, pai dela permitiu que ela fosse tatuada.

Publicidade
Publicidade

Porém, ao voltarem da viagem, os pais perceberam que ao sair a tinta negra do braço da criança começaram a surgir bolhas vermelhas. Os pais correram com a menina para o médico, que avisou que as bolhas deveriam ser retiradas. Agora, ela se encontra em um hospital especializado em queimaduras e gerenciamento de cicatrizes. Elas informaram para os pais que as cicatrizes são definitivas.

Os médicos informaram que a garota terá que usar uma ligadura de pressão por mais ou menos sete meses para tentar minimizar as cicatrizes. A equipe médica também disse que foi uma surpresa ao verem a quantidade de PH nas bolhas, podendo indicar o tipo de queimadura como química.

Em entrevista, o pai explicou o motivo de ter que cortar as bolhas. “Os médicos tiveram que cortar as bolhas para acessar e poder tratar da pele queimada por baixo”, disse Martins ao jornal Daily Mail.

Publicidade

“No começo, eles pensaram que poderiam resolver absorvendo e esfregando as bolhas, mas as bolhas eram tão espessas que não foi possível essa estratégia e tiveram que removê-las”, concluiu.

O pai culpou o hotel onde se hospedaram pelas queimaduras da filha. “Eu e minha esposa ignoramos todo o perigo que uma tatuagem desse tipo pudesse trazer, mas também culpo os funcionários do local que deveriam alertar sobre os perigos. Nossa filha teve graves bolhas, começando nos dedos e até o cotovelo. A tatuagem foi feita dentro do hotel e os funcionários disseram que não foi culpa da tinta de henna. Mas eu me culpo, em parte, pelo braço dela estar queimado”, afirmou o pai.

O hotel enviou um pedido de desculpas e lamentando o fato por e-mail. Eles disseram que foi suspensa qualquer tipo de tatuagem no estabelecimento.

O pai lamenta que a filha ficará marcada para o resto da vida. Comente.

#tatoo #feridas