De acordo com informações divulgadas pelos sites RT e BBC, pelo menos três crianças morreram [VIDEO] e várias outras ficaram feridas após um prédio de madeira – situado nas dependências do acampamento infantil Victoria, na #Ucrânia – ter sido reduzido às cinzas ao se incendiar na sexta-feira (15).

O campo de lazer, localizado na cidade costeira de Odessa (às margens do Mar Negro), é costumeiramente utilizado pelo governo para proporcionar esportes e entretenimento a crianças desfavorecidas.

No momento do incidente – que teve início aproximadamente às 23h:30min no horário local (5h:30 min de sábado no horário de Brasília) –, o prédio que pegou fogo abrigava pelo menos 42 hóspedes, sendo que, ao todo, cerca de 150 crianças estavam alojadas no campus.

Publicidade
Publicidade

Situação de emergência

Segundo algumas testemunhas oculares, os menores foram acordados pela fumaça que começou a sair do edifício, e os instrutores do acampamento montaram uma equipe para tentar realizar uma evacuação. Infelizmente, algumas das crianças inalaram fumaça, além de sofrerem ferimentos e contusões – várias outras, ainda, precisaram ser levadas para um hospital, pois pularam de uma janela do prédio para salvar suas vidas.

De acordo com o site RT, Yevgeny Kavun, representante do assim chamado Serviço de Despacho de Odessa, afirmou que a notificação de que havia um incêndio em curso chegou às equipes de emergência às 23h37min.

Entretanto, o fogo se espalhou muito rapidamente, engolfando uma área de aproximadamente mil metros quadrados. Para piorar a situação, não existiam fontes de água disponíveis nas proximidades do alojamento para que os socorristas pudessem utilizá-las no combate às chamas – havia apenas um hidrante com pouca pressão, e o acesso a um reservatório aquífero estava bloqueado.

Publicidade

Como consequência, os #Bombeiros só conseguiram controlar o incêndio após mais de duas horas de luta, e mesmo assim o prédio onde o fogo começou foi completamente destruído. Relatos indicam que o calor era tão intenso que chegou a derreter estruturas em varandas e a quebrar vidros de edifícios vizinhos.

Depois que os escombros da destruição foram removidos, as autoridades de emergência encontraram fragmentos de três corpos carbonizados.

Problemas na instalação elétrica

Pais e filhos relataram à agência Ruptly (detentora do site RT) que o prédio queimado estava apresentando constantes problemas elétricos, tais como quedas de tensão e disparos do alarme de incêndio quase que diariamente. Além disso, segundo os sobreviventes, o edifício não possuía suprimentos básicos de combate ao fogo, como por exemplo, extintores.

Neste sábado (16), o serviço de imprensa policial da Ucrânia revelou através de sua página no Facebook que o diretor do acampamento Victoria foi detido pelas autoridades e acusado de cometer violações na segurança contra incêndios.

Adicionalmente, o prefeito de Odessa exonerou o chefe administrativo distrital, o diretor do acampamento já citado e o agente responsável pela vigilância incendiária. #Europa