Publicidade
Publicidade

Um homem está aguardando julgamento depois de ser acusado por supostamente molestar sexualmente um cavalo em múltiplas ocasiões. O acusado foi identificado com Daniel Bennett, de 18 anos, que compareceu ao tribunal na terça-feira (9), após sua prisão, no estado do Alabama, nos Estado Unidos. Segundo informações, o jovem foi flagrado pela proprietária do cavalo, identificada como Francine Janes. Francine disse aos investigadores que encontrou evidências de seus crimes na tenda do animal. [VIDEO]

A dona do #animal disse que pegou Bennett na noite de 4 de janeiro, depois que seus cães começaram a latir e levaram-na para a cena do crime.

Publicidade

A mulher e seu marido encontraram o suspeito escondido em uma barraca no celeiro. Quando confrontado, Bennett supostamente lhes disse que gostava de cavalos e "queria acariciar o animal” [VIDEO], de acordo com o site WPMI-TV. Conforme relatos, o casal não estava convencido da versão dada pelo suspeito. O marido de Janes segurou Bennett até que a #Polícia chegasse ao local.

A mulher acredita que esta não foi a primeira vez que o acusado entrou na área onde fica o cavalo, identificado como Polly, de 20 anos, já que encontrou evidências na barraca várias vezes ao longo do mês de dezembro.

"Eu diria que sete talvez 10 vezes [VIDEO]. O papel higiênico tinha sido deixado. As pilhas de feno foram removidas. Os itens foram roubado", disse Janes para o site WPMI-TV.

Um mandado de prisão contra Bennett afirma que ele foi preso pelo crime de bestialidade listado como um delito menor, alegando que ele "se envolveu ou se submeteu a qualquer contato sexual com o cavalo".

Publicidade

Também foi acusado de posse de ferramentas de roubo, má conduta sexual e transgressão criminal. Conforme informações da imprensa local, o julgamentod o suspeito vai começar na próxima quinta-feira (18).

O incidente ocorre cerca de três meses depois de um homem de Long Island ter sido preso por acusações repetidas de "ter relações sexuais com cavalos".O suspeito foi identificado como Steven Errante, 30 anos. Ele teria contato sexual com cavalos em duas ocasiões distintas. Foi dito que o acusado tem uma longa história de abuso animal e, após a sua prisão no mês de outubro, ele está enfrentando duas acusações de má conduta sexual com um animal e teve o nome incluso no Registro de Instigadores de Abuso de Animais.

Qual a sua opinião sobre esse assunto. Deixe suas ideias na seção de comentários logo abaixo. #Violência sexual